Franceses do grupo Technip ganham contrato petrolífero em Angola
13-12-2006 | Fonte: ABN
O grupo francês Technip vai desenvolver o campo petrolífero Gimboa, em Angola, nos termos de um contrato de 70 milhões de dólares com a Sociedade Nacional de Combustíveis de Angola (Sonangol), anunciou o grupo em Paris.O campo Gimboa está situado no mar a 85 quilómetros da costa angolana a uma profundidade de 680 metros.As empresas norueguesa Norsk Hydro ASA, Angola Consulting Resources (ACR) e Sociedade Petrolífera Angolana (Somoil) são os outros parceiros deste projecto.

O projecto consiste na perfuração submarina de três poços de produção e quatro para a injecção de água ligados a uma estrutura central por sua vez ligada a uma unidade flutuante de armazenamento.

O Technip será responsável pelos serviços de engenharia, aquisição de equipamento, fabrico, testes e instalação.

Com mais de 21 mil trabalhadores, o Technip é um dos grandes cinco grupos mundiais a fornecer serviços de engenharia e de construção para o sector petrolífero. As suas acções estão cotadas nas bolsas de Nova Iorque e de Paris.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação