Estado da criminalidade e delinquência em Luanda em debate
13-04-2007 | Fonte: Angop
O estado da criminalidade e delinquência juvenil na capital do país estará em debate desde hoje, numa das salas da Assembleia Nacional, durante um seminário promovido pelo Governo Provincial de Luanda (GPL).

O governador provincial considerou que o encontro constitui uma oportunidade para os citadinos discutirem, com profundidade, questões ligadas à criminalidade e à delinquência juvenil, bem como encontrar soluções que contribuam para a concessão de políticas de segurança pública dos munícipes.

Sob o lema "Restabeleçamos a ordem pública, combatendo a anarquia", os trabalhos do seminário serão desenvolvidas em plenárias, conferências, painéis e mesas redonda.

Serão debatidos temas como "A delinquência e o consumo de drogas", "Trabalho informal e deliquência juvenil", "Menor face ao direito, reprimir ou reeducar" e "Organismos para menores e sua recuperação".

"A delinquência infanto-juvenil", "O fenómeno da delinquência nas escolas em Luanda" e a "Violência familiar e delinquência juvenil", entre outros temas, constam igualmente da agenda de trabalhos.

No encontro, que se realiza com a colaboração do Ministério do Interior, vão participar técnicos nacionais, estudantes universitários, individualidades ligadas à defesa e segurança, política, homens de negócios e associações profissionais.

Com uma população estimada em cinco milhões de habitantes, e com cerca de 450 quilómetros quadrados, fazem parte da província de Luanda os municípios da Ingombota, Samba, Maianga, Rangel, Sambizanga, Kilamba Kiaxi, Viana, Cacuaco e Cazenga.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação