Bento Bento pede bênção à Igreja Tocoista
07-07-2004 | Fonte: Jornal de Angola
Uma delegação do Comité Provincial de Luanda do MPLA, chefiada pelo seu primeiro secretário, Bento Bento(na foto), entregou no passado fim de semana à direcção da Igreja Tocoista um donativo composto de material de construção e medicamentos, no quadro do seu programa de visitas às instituições religiosas com sede na capital do país.

A entrega simbólica da doação, nomeadamente 100 sacos de cimento, uma carrada de areia, 400 litros de tintas, sendo 20 baldes de dez litros cada um, e diversos medicamentos, ocorreu durante um culto de reflexão pelo passamento da viúva do profeta Simão Gonçalves Toco, ocorrido a 13 de Junho último, em Luanda, vítima de doença.

Durante a sua intervenção, Bento Bento disse que a oferta significava a participação directa do seu partido “na construção do grande templo da Igreja Tocoista que vai dignificar Angola”.

Disse ter provas evidentes da força da oração da Igreja Tocoista, razão pela qual a delegação do seu partido se tinha deslocado à sede Universal daquela congregação religiosa pedir sabedoria e benção, para melhor governar e assumir as suas responsabilidades perante as populações.

“Não estamos aqui para pedir votos, viemos buscar força, sabedoria e, acima de tudo, a vossa benção “, precisou Bento Bento.

Bento Bento disse que tinha fé que as orações dos tocoistas “podem ajudar os dirigentes da província de Luanda, a Comissão de Gestão, a resolver os inúmeros problemas de índole administrativa e mesmo organizativa da nossa província”.

“A partir deste púlpito, queremos estender a mão para que a Igreja tocoista ore para a Comissão de Gestão, ore para os políticos e dirigentes, para fazerem de Luanda uma cidade limpa e organizada”, pediu o número um dos “camaradas” em Luanda.

Ainda sobre a limpeza e embelezamento da cidade capital, aquele dirigente partidário pediu que cada crente leve a mensagem de que todos devem colaborar no programa de recolha do lixo, vender apenas nos locais apropriados, bem como obedecer às orientações das autoridades sobre a auto-construção dirigida. Bento Bento, que se fazia acompanhar por cerca de 50 pessoas, enalteceu ainda a figura da falecida Maria Rosa Toco, esposa de Simão Gonçalves Toco, a quem considerou de “Mãe Rainha da Igreja Tocoista” e símbolo de resistência da mulher angolana ao colonialismo.

“ A mãe Maria Rosa Toco é daquelas mulheres que nos momentos mais difíceis do exílio não abandonou o papá Simão Toco”, sublinhou.

O líder da Igreja tocoista, pastor Afonso Nunes, agradeceu a oferta e, sobretudo, a visita, pela segunda vez, de uma delegação do MPLA. Considerou a visita como uma nova etapa que começa e que deve aproximar cada vez mais políticos e crentes, com vista a conduzir bem o país.

À margem do acto, Bento Bento e membros da sua delegação visitaram o complexo escolar “Simão Toco”, dos níveis de base e médio, que terá 24 salas de aulas, duas salas de internet, uma biblioteca, uma cantina, além de vários gabinetes para serviços administrativos.

Um encontro à porta fechada entre as duas delegações, seguido de um almoço de confraternização, encerrou o programa da visita.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário
O que mais o marcou no campeonato do Mundo Brazil 2014
  • Arbitragem
  • Desempenho das Equipas Africanas
  • Casos extra-jogos
  • Estádios
  • Manifestações