Angola ocupa o 166º lugar no desenvolvimento humano
15-12-2004 | Fonte: Angop
Angola ocupa o 166º lugar no Índice de Desenvolvimento Humano mundial, segundo um relatório do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) tornado público hoje em Luanda, descendo duas posições em relação ao ano anterior.

O relatório divulgado durante uma reuniu afim, entre jornalistas estatais e privado e o coordenador residente do Sistema das Nações Unidas emAngola e representante do (PNUD), Pierre Pirlot, mostra que o indice é parte integrante do relatório do desenvolvimento humano com indicadores de saúde, da educação e rendimento.

Pierre Pirlot considerou normal a posição ocupada por Angola já que o país saiu de uma guerra de quase 30 anos e possui infra-estruturas por reconstruir, um trabalho que, na sua óptica, leva muito tempo para atingir o progresso.

segundo Pirlot, todo este progresso depende do trabalho que for feito pelo governo com a ajuda da comunidade internacional.

Para o coordenador do Sistema das Nações Unidas, cada país tem a sua identidade cultural, daí que, a seu ver, ao se aceitar uma diversidade cultural está-se a dimimuir a tensão nas sociedades.

O relatório deste ano, intulado Liberdade Cultural num Mundo Diversificado, faz menção à Globalização e Escolha Cultural, onde as políticas que regulam o avanço da globalização económica têm de promover as liberdades culturais em vez de as subjgar.

Segundo o relatório, todas as pesssoas têm o direito de manter a sua identidade étnica, linguística e religiosa e que a adopção de políticas que reconheçam e protejam essas identidades seja a única abordagem sustentável do desenvolvimento em prol das sociedades diversificadas.

O documento aborda também os mitos existentes acerca da diversidade, do desenvolvimento e da estabilidade política, tensões étnicas e exclusões, o desafio da imigração da cultura como mercadoria global, entre outros temas.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário
A CASA de Abel Chivukuvuku:
  • Vai reforçar a prática da democracia
  • Não vai trazer nada de novo
  • Vai retirar eleitorado ao MPLA
  • Vai retirar eleitorado a UNITA
  • Vai retirar eleitorado ao MPLA e a UNITA