Processo eleitoral serve de lição para o mundo - Carolina Cerqueira
21-08-2017 | Fonte: Angop
O processo eleitoral em curso no país serve de lição para outras nações, pela forma segura, tranquila e tolerante como está a decorrer, afirmou, em Luanda, a membro do Bureau Político do MPLA, Carolina Cerqueira.

Carolina Cerqueira teceu estas considerações à margem de um acto de confraternização com a velha guarda e memória da cultura angolana, tendo referido que "a lição que Angola dá ao mundo é a prova que o país será uma grande potência em África", frisou.

Para si, a realização das eleições de 2008, de 2012 e, agora, de 2017, mostra que o país está a ter bom exercício democrático que se consolida e fortalece, tendo como aprova as instituições robustas e credíveis que existem no país, onde cada um participa com a sua experiência para a grandeza do país.

Carolina Cerqueira referiu que cada um tem de dar o seu voto de confiança no partido e candidato que, efectivamente, tenha um programa de governação que propicie um desenvolvimento sustentado, a preservação da paz e segurança nacional, bem como garanta um crescimento económico e humano compatível com as exigências actuais.

Felicitou os eleitores que, pela primeira vez, vão exercer o seu direito de voto e de cidadania, apelando à consciência na escolha de quem melhor deverá governar, garantir mais trabalho, tranquilidade, segurança e protecção social.

Nas eleições de quarta-feira, concorrem o MPLA, a UNITA, a FNLA, a o PRS, a APN e a coligação CASA-CE.

Para o pleito de 23 de Agosto, a província de Luanda registou dois milhões 882 mil e 632 eleitores.

Nas eleições de quarta-feira, concorrem o MPLA, a UNITA, a FNLA, a o PRS, a APN e a coligação CASA-CE.

Para o pleito de 23 de Agosto, a província de Luanda registou dois milhões, 882 mil e 632 eleitores.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação