Poupança das famílias deve ser ponderada nos gastos - Gestor
06-11-2017 | Fonte: Angop
A poupança dos recursos financeiros das famílias deve ser ponderada no ponto de vista dos gastos feitos por cada agente económico, em vez de se centrar somente no rendimento de cada indivíduo.

A afirmação é do director do departamento de educação financeira do Banco Nacional de Angola (BNA), Avelino dos Santos, tendo incentivado as pessoas a terem o hábito de poupar os recursos financeiros escassos disponíveis, pensando no futuro.

"A questão da poupança não deve ser olhada no sentido do rendimento, mas sim no sentido dos gastos, comprando o que está planificado", acrescentou.

O gestor, que falava à imprensa no acto de encerramento da Feira da Poupança, que decorreu em Luanda, de 30 de Outubro a 5 de Novembro, disse ser necessário que as famílias façam uma planificação consoante os recursos financeiros disponíveis para não excederem os gastos, tendo em conta sempre a poupança.

Considerou proveitosa a feira, por permitir atingir o propósito preconizado pela organização e pelos bancos comerciais, consciencializando as pessoas sobre a importância da poupança, investindo e pensando na construção de um futuro sólido e seguro financeiramente.

O evento, que decorreu na Casa da Juventude, em Viana, serviu igualmente para sensibilizar as famílias a terem atitudes e hábitos mais responsáveis nos gastos dos recursos financeiros escassos.

Durante sete dias, as pessoas que acorreram ao espaço da feira tiveram a oportunidade de ter o contacto directo com os serviços disponibilizados pelos bancos comerciais como modelos de crédito, bem como abertura de contas bancárias.

Além de Luanda, a feira também foi extensiva para as províncias da Huíla, Huambo, Benguela, Cabinda e Malanje.

Para essa iniciativa, o BNA teve como parceiros os bancos comerciais, que possuem dentro da sua carteira produtos de poupança, como poupança a prazo, de aforro, Comissão de Mercados de Capitais e a Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (ARSEG), em termos de literacia financeira.

A Semana da Poupança, sob o lema "Poupar e investir de forma segura", enquadrou-se nas celebrações do Dia Mundial da Poupança, assinalado no dia 31 de Outubro, bem como na comemoração do 41º aniversário do BNA, celebrado domingo.

Durante sete dias de feira, o Banco Central e os bancos comerciais forneceram ao público em geral e aos clientes os seus principais serviços e produtos. Fizeram parte desta actividade, os bancos BCI, BNI, Banco Keve, BPC, Banco Sol, BIC, Bai, BCS, BANC, entre outros.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação