Exploração de minerais deve contribuir para bem-estar da população
15-12-2017 | Fonte: Angop
O ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Pedro de Azevedo, defendeu hoje, em Cabinda que os hidrocarbonetos explorados na província devem servir para melhoria da qualidade de vida da população da província e do país em geral.

Diamantino Azevedo, que chegou nesta quinta-feira a Cabinda, para uma curta visita de trabalho, participou no fórum sobre recursos minerais da província que aconteceu na sala de conferência do palácio do governo local.

Na sua intervenção, disse que os recursos minerais que se exploram em Cabinda nomeadamente, o ouro platina, gesso, manganésio, asfalto e outros recursos devem merecer atenção especial do sector para pesquisa e exploração.

Por sua vez, o governador de Cabinda, Eugénio Laborinho, explicou que a exploração artesanal do ouro na província tem sido feita ao longo dos rios da zona norte da província.

Eugénio Laborinho salientou que o garimpo de ouro deve ser desencorajado para dar lugar actividade semi-industrial e industrial, com vista a garantir empregos, sobretudo para a juventude bem como arrecadação de receitas para o Estado.

Durante o fórum, foram apresentados projectos e perspectivas do sector geológico-mineiro da província, do subsector de ouro platina, prata e petróleos que visou a identificação de dez (10) áreas para prospecção de ouro com o registo de 10 empresas para exercer a actividade e que deste número, 5 delas estão licenciados e outros cinco ainda por se legalizar.

A comitiva do ministro visitou o campo petrolífero do Malongo e o terminal oceânico, e regressam ainda hoje a capital do país.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário