Moscovo defende integração de Angola nos BRICS
20-04-2018 | Fonte: Angop
A inserção de Angola na lista de Países Observadores dos BRICS, grupo das economias emergentes, foi defendida hoje (19), em Luanda, pelo embaixador extraordinário e plenipotenciário da Federação da Rússia, Vladimir Tararov.
 
Falando à imprensa no final de uma palestra sobre “a actual situação na Federação da Rússia”, Vladimir Tararov fez saber que a necessidade de integrar Angola nos BRICS deve-se ao seu preponderante contributo na resolução de conflitos, com realce na região austral do continente africano.
 
De acordo com o diplomata, Angola tem grande prestígio em África, devido a sua participação activa na solução pacífica dos grandes conflitos, em vários países de África.
 
O diplomata acredita que se Angola for aceite como membro observador, o grupo dos BRICS absorverá mais facilmente a sua capacidade de análise e de resolução de conflitos.   
 
Integra o grupo dos BRICS o Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.
 
A palestra, promovida pelo Instituto Superior de Relações Internacionais Venâncio de Moura, visou dar a conhecer aos académicos, diplomatas e estudantes a realidade actual da Federação da Rússia.
 
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário