Comandante em Chefe nomeia chefe de Estado General das FAA
23-04-2018 | Fonte: Angop
O Presidente da República, João Lourenço, nomeou nesta segunda-feira o general António Egídio de Sousa Santos, para exercer o cargo de Chefe do Estado Maior General das Forças Armadas Angolanas (FAA).
 
Em decorrência da nomeação, António Egídio de Sousa Santos é promovido ao grau militar de general-de-exército, segundo uma nota de imprensa da Casa Civil do Presidente da República chegada à Angop.
 
O general António Egídio de Sousa Santos desempenhava as funções de chefe do Estado Maior General-Adjunto para a Área de Educação Patriótica das FAA.
 
Antes da nomeação, ao abrigo da Constituição da República de Angola, da Lei da Defesa Nacional e das Forças Armadas e depois de ouvido o Conselho de Segurança Nacional, João Lourenço exonerou o general-de-exército Geraldo Sachipengo Nunda, do cargo de Chefe do Estado Maior General das FAA.
 
O Presidente da República exonerou ainda os generais José Luís Caetano Higino de Sousa, do cargo de Chefe do Estado Maior General-Adjunto para a Área Operacional e de Desenvolvimento, e Geraldo Abreu Muhengo Ukuachitembo, do cargo de vice-chefe do Estado Maior General para a Logística e Infraestrtuturas.
 
Noutros decretos e ao abrigo dos mesmos diplomas legais, depois de igualmente ouvido o Conselho de Segurança Nacional, o também Comandante-Em-Chefe nomeou o general Geraldo Abreu MuhengoU kuachitembo, para o cargo de Chefe do Estado Maior General Adjunto para a Área Operacional e de Desenvolvimento.
 
Exonerou o tenente-general André de Oliveira João Sango, do cargo de director geral do Serviço de Inteligência Externa, para o qual havia sido nomeado por decreto presidencial de 12 de Outubro de 2012, e nomeou o general José Luís Caetano Higino de Sousa para o referido cargo.
 
Exonerou ainda os generais Marques Correia, do cargo de segundo comandante do Exército, e Matias Lima Coelho, de Inspector Geral da Defesa Nacional.
 
Na sequência, o Presidente da República nomeou os generais Marques Correia, para o cargo de Inspector Geral da Defesa Nacional, e Matias Lima Coelho, para o de Chefe do Estado Maior do Exército.
 
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário