Fiscalização de táxis ilegais tem início em Luanda
18-05-2018 | Fonte: TPA
A operação de fiscalização, em grande escala, aos táxis (vulgo camdongueiros) que circulam pela província de Luanda, que estava prevista para segunda-feira, iniciou na manhã de esta sexta-feira, em toda extensão da cidade capital.

O comandante da Unidade de Trânsito de Luanda, superintenbdete-chefe Roque da Silva, garantiu que ultrapassadas as questões de ordem técnica, a operação pode ter inicio. A maior incidência desta fiscalização está direccionada para os motoristas de táxis, que exercem a actividade ilegalmente.

Afirmou que na actividade de fiscalização serão apreendidas as viaturas que circulam sem os documentos necessários e detidos os condutores com carta de condução não averbada à actividade.

Explicou que a operação vai durar o tempo necessário até que se reponha a normalidade nas estradas locais.

O oficial superior da corporação esclareceu que a intenção da operação não é combater a circulação dos táxis, mas a de fiscalizar e limitar a circulação dos ilegais, pois são responsáveis por muitos acidentes, alguns fatais.

Estima-se que em Luanda circulam mais 20 mil táxis, entre licenciados pelo Governo Provincial de Luanda (GPL) e ilegais.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário