Remessas de emigrantes portugueses em Angola caem em 44 % - ANGONOTÍCIAS
Remessas de emigrantes portugueses em Angola caem em 44 %
24-05-2018 | Fonte: Jornal Mercado
As remessas de portugueses a trabalhar em Angola caíram 44% em Março, para 7,9 milhões de euros, acentuando a tendência de queda que se registou no primeiro trimestre, com uma descida superior a 20%.

Os dados avançados pelo Banco Português, informam que os portugueses a trabalhar no País enviaram, no primeiro trimestre deste ano, 34,35 milhões de euros, o que representa uma queda de 20,7% face aos 43,35 milhões de euros enviados no primeiro trimestre do ano passado.

Em março, os emigrantes enviaram para Portugal 7,93 milhões de euros, o que equivale a uma queda de 44,7% face aos 14,3 milhões que tinham enviado no mesmo mês do ano transacto.

Segundo os dados, a queda dos valores dos emigrantes portugueses em Angola influencia decisivamente os números para a totalidade dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), fazendo com que haja uma descida nas remessas de 42,1%, de 15,04 milhões em março do ano passado, para 8,7 milhões em março deste ano.

O relatório esclarece ainda que, no total dos países a nível mundial, os valores de março são semelhantes aos do mês homólogo, registando-se apenas uma variação negativa de 0,4% nas remessas dos emigrantes, de 277,2 milhões de euros em março de 2017, para 275,8 milhões deste ano.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário