Kangamba e Kabuscorp em apuros
03-08-2018 | Fonte: JD

A Federação de Internacional de Futebol Associado (FIFA) voltou a deliberar contra o Kabuscorp do Palanca, no diferendo com o técnico Zoran Maki. O Jornal dos Desportos tem em sua posse o documento, com a data de 27 de Julho de 2018, em que o organismo reitor do desporto-rei a nível mundial, mantém a decisão anterior, o clube tem de pagar tudo o que deve ao treinador, e avisa aos palanquinos que vão ser alvos de um processo disciplinar por desrespeito a deliberação tomada no dia 10 de Novembro de 2017, pelo Comité do Estatuto do Jogador.


O atraso no pagamento ao que é devido a Zoran Maki, fez com que o Kabuscorp violasse o artigo 64 do regulamento de disciplina da FIFA, pelo que um membro do Comité de Disciplina vai investigar os motivos por detrás do incumprimento, para no final se determinar se o clube merece ou não ser sancionado com uma das medidas previstas no artigo 78 parágrafo 2, como perda de pontos ou descida de divisão.


O advogado de Zoran Maki informou a FIFA no dia 20 de Julho do mês passado, que o Kabuscorp pagou ao seu cliente em duas parcelas, a última delas há 23 de Março desse ano, o total de dois milhões de Kuanzas. Ainda assim, a equipa palanquina foi advertida a \"pagar imediatamente\" o remanescente da dívida avaliada em mais de 87 mil dólares, acrescido de bónus de 5 por cento por ano da dívida inicial, que era de 100 mil dólares.


Além de instar mais uma vez ao clube angolano a cumprir com a deliberação tomada o ano passado, pelo Comité do Estatuto do Jogador, a FIFA pede ao Kabuscorp para que lhe envie uma prova, até pode ser uma cópia, que ateste que não deve mais nada a Zoran Maki. Como é habitual nesse tipo de situação, a FIFA notificou a FAF, por ser seu filiado, para que dê a conhecer ao Kabuscorp a decisão tomada.


O Jornal dos Desportos tentou obter ontem, sem sucesso, mais reacções em torno desta questão, por o técnico Zoran Maki pedir compreensão por se remeter ao silêncio, ele prefere que seja o seu advogado a falar sobre tudo relacionado com a disputa, que trava com o Kabuscorp. Uma fonte da FAF prometeu uma posição oficial, depois da reunião que o Conselho de Disciplina \"CD\" vai realizar nos próximos dias.


A fonte garantiu que a notificação da FIFA chegou, quando José Carlos da Silva, presidente do CD, se ausentou do país, pelo que os demais membros preferem adoptar uma atitude de espera, antes de se pronunciarem sobre essa questão.

 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação