Dino Matrosse defende limitação de mandatos de futuros presidentes do MPLA
07-09-2018 | Fonte: JA

O histórico e membro da direcção do MPLA, Julião Mateus Paulo "Dino Matrosse", em véspera do congresso extraordinário que vai marcar a transição política na liderança do partido, defendeu a limitação de mandatos de futuros presidentes da formação política.


O membro do Bureau Político disse que é preciso fazer coincidir os mandatos do presidente do MPLA com os previstos na Constituição. A Constituição prevê apenas dois mandatos consecutivos ou intercalados, pelo que um cidadão só pode ser Presidente da República até 10 anos.


"Dino Matrosse" disse que quem deve liderar o partido, em caso de vitória nas eleições gerais, deve ser sempre o Presidente da República eleito. "Para nós, quem lidera o partido, se o partido ganha, tem que liderar a Nação.


Portanto, é fazer coincidir os mandatos da Constituição, com os mandatos da liderança do partido", assegurou.

 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação
Foto-Destaque
Foto-Destaque
Questionário