Banca angolana só vai importar dólares directamente dos EUA em 2021
15-12-2019 | Fonte: Expansão /Mukanda

Os 10 maiores bancos de Angola, que fazem 90 por cento das operações em moeda estrangeira, estão preparados para se submeterem aos testes.
 
Apenas em 2021 os bancos comerciais angolanos vão poder importar dólares directamente de instituições financeiras baseadas nos Estados Unidos da América (EUA). Esta previsão foi feita pelo presidente da Comissão Executiva do Banco Angolano de Investimentos (BAI), ao jornal Expansão, no final de Novembro.
 
Trata-se de uma perspectiva que contraria a euforia gerada recentemente que se seguiu a declarações do governador do Banco Nacional de Angola (BNA) sobre a reposição, por alguns bancos, das relações de correspondência em dólar.
 
Luís Lélis argumenta que falta ainda aos bancos, não apenas o BAI, limar algumas arestas, mas que graças ao grande esforço de adequação às regras internacionais, o objectivo de retomada da correspondência com a banca dos EUA vai ser concretizado. Elogia, igualmente, o trabalho do regulador (BNA), que qualifica como gigantesco, bem como o Ministério das Finanças.
 
Em 2021 Angola vai ter uma avaliação do GAFI, sublinha o homem forte do BAI, que acredita que nesta data Angola vai deixar de ser uma jurisdição de alto risco. O esforço financeiro e de capacitação técnica dos recursos humanos foi muito alto para que o sistema volte a ser confiável. Diz, como exemplo, que um software para fazer o acompanhamento das transacções financeiras custa um milhão de dólares, e uma assinatura anual do mesmo equipamento 200 mil dólares.
 
A formação de um profissional de compliance é demorada e não é barata. Por isso os bancos, assegura Lélis, investiram muito dinheiro nos últimos seis anos.
 
Isto significa, na visão do gestor, que apenas os bancos com alguma dimensão vão conseguir cumprir os requisitos exigidos. Garante, contudo, que os 10 maiores bancos de Angola, que fazem 90 por cento das operações em moeda estrangeira, estão preparados para se submeterem aos testes.

 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação