UE disponibiliza 8,5 milhões de euros para ensino e formação em Portugal, Angola e Cabo Verde
14-01-2020 | Fonte: Lusa

A Comissão Europeia vai disponibilizar 8,5 milhões de euros para projetos-piloto em África e nos Balcãs Ocidentais na área do ensino e da formação profissional, que envolvem Portugal e países africanos como Angola e Cabo Verde.


Em comunicado, o executivo comunitário precisa que em causa estão projetos-pilotos como a aliança de apoio à mobilidade em África, que abrange um total de 32 organizações de oito Estados-membros da União Europeia (UE), entre os quais Portugal, e 13 países africanos, incluindo Cabo Verde e Angola.


Com um apoio comunitário de quatro milhões de euros, esta iniciativa visa promover a mobilidade de professores para o desenvolvimento de novos currículos escolares e de novas metodologias.


Outra iniciativa é a aliança conjunta para o desenvolvimento de um regime de mobilidade e partilha de boas práticas entre sistemas africanos e europeus, para a qual serão alocados 2,5 milhões de euros, visando a melhoria da formação dos professores e a obtenção de competências pedagógicas.


Ao todo, nesta aliança participam três Estados-membros da UE e 10 países africanos, entre os quais Cabo Verde.


Acresce o projeto-piloto sobre internacionalização do ensino e formação profissional nos Balcãs Ocidentais, que envolve seis parceiros dessa região, bem como oito parceiros dos Estados-membros da UE, num apoio comunitário de dois milhões de euros para mobilidade de estudantes e desenvolvimento de competências pessoais.

 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação