Lito Meneses (Luanda): como se pode justificar o silêncio do presidente kabila? será que a lei congolesa o proíbe de intervir?
Ngunga : O chefe do Estado Maior General das Forças Armadas Angolanas (FAA), general Francisco Pereira Furtado, considerou “muito delicada” a situação que se vive na fronteira com a República Democrática do Congo. Em declarações à Angop, ontem, à margem do acto de inauguração de um complexo de lazer das Forças Armadas Angolanas, na Baía das Pipas, 30 quilómetros a Sul da cidade do Namibe, Francisco Pereira Furtado considerou desprovida de legitimidade a expulsão indiscriminada de angolanos daquele país. “O governo não considera um direito legítimo a expulsão daqueles que residem legalmente naquele país há mais de 20 anos”, disse o general Furtado, considerando ser desejo da parte angolana que “se restabeleça a normalidade, o mais breve possível”. Francisco Furtado assegurou estarem disponíveis meios das FAA para acomodação, logística, assistência médico-sanitária e transporte dos compatriotas forçados a abandonar os seus haveres. “Vamos apoiá-los. O mais importante é continuar a prestar-lhes solidariedade”, disse.
Pensador : Alguém pode respoder-me? Fala-se em 12 mil angolanos repatriados....Será que os 12 mil viviam na RDC legalmente? Se sim, então a RDC é o país que acolhe mais angolnos, se não então, a RDC simplesmente está pagando com a mesma moeda....!!!!
branco angolano : eso mesmo nos queremos ver os pretos e matarem uns aos outros sao menos que nos dao chatiçes breve vamo tomar conta de angola Angola é dos branco mais nada hehe
Anónimo : abaixo o zairense.viva angola
INVESTIGAR O NANDÓ : Cuidado com o NANDÓ.Gosta de meter a mão em bens alheios.Acabemos com o corrupto.
nunu : mas que putaria é esta, alimenta e enriquece tudo e todos aqueles que mamam á grande, não tem fundamento qualquer as palavras que possam ser ditas para condenar este acto. pois isto passa precisamente por esta relação pplitica e social que o governo tem com as pessoas de angola e o lugar de angola. uma posição que de agora em diante se traduz em um vaticinio, em que ao mesmo tempo se tem a sensação de se querer vender angola ao exterior. sinto uma estranhaza neste processo de riqueza adjacente, quem anda a comer vive numa mordomia. é tempo para ajustes. viver na desirdem tem benenficios mas viver para a desordem cria malificios incuráveis. uma elite conjunta duma classe burguesa e novos ricos, está se perdido!
DA TUGA!!!!!! NOVA LISBOA.....TODA VIDA. (PAHHH...DESCULPEM LA.): MAS AS VERDADES SAO PARA SEREM DITAS!!!! Q U E M E O CAUSADOR DESTAS CONFUSAOES E MISERIA E O M P L A.....AGORA MAIS UMA VEZ QUEM VAI SOFRER SAO AS CRIANCAS,MULHERES E IDOSOS!!!!! GRACAS O CRUZ VERMELHA... A MISERIA JA ESTA ASER CONTRULADA MAS ESTA UMA CONFUSAO TOTAL. THANK YOU JES!!!!!
Ngunga : O Burundi e o Ruanda vão expulsar todos os refugiados congoleses que residente naqueles países e quando Angola anunciar a expulsão dos congoleses residente em Angola aí veremos. Os congoleses fecharam a fronteira com o Burundi!kkkkkkkkkkkkkkkk Os langas vão se dar mal e gostaria que o nosso governo anunciasse já a expulsão desses nojentos da nossa terra.
DON YALA (LONDRES): irmaos estao bem vindos sinto mto com q aconteceu mais ja xperava por isto viver num pais q tem separasons d corpo e xpirito pessoas q ja pitao td q encontramos na terra isto e perigo eles precisao mais d nos pq nos vamos na vida e eles vao na morte mais pesso pra vcs nao falem mais lingala kikongo e melhor agora ja sebem kiako kiako kiangani kiangani bem vindo angola e grande cabe pra tds nos viva ANGOLA abaixa congo rdc
Descontente : Se a RDC está a expulsar angolanos legais, Angola deveria proceder de forma recíproca, mas sem violência física, como estão a fazer connosco lá. Veriamos que o governo congolês, iria proteger os angolanos legais. Devemos ter coragem
Mumbembe : Os agitadores podem falar como quizerem, o nosso governo e a oposicao angolana nao vai optar a sujeira da política Congolesa. Uma coisa é certa, caso for decidido que os Congoleses abandonem Angola,é claro que só nós bakongos seremos capaz de os identificar. Gente de Luanda ou do Sul nao conseguem nos identificar, quem é e quem nao é. Nós do Uige,Mbanza-K. Cabinda reconhecemos quem é estrangeiro no nosso seio.Esperamos isso nao seja atitude angolano.
Anónimo : É PRECISO QUE ANGOLA CRIA CONDICOES PARA RECEBER OS NOSSOS IRMAOS QUE ESTAO SENDO EXPULSOS DO CONGO,ISTO TUDO SAO CONSEQUENCIAS DAS GUERRAS.MAS JÁ QUE ESTAMOS EM PAZ CADA UM TERÁ REGRESSAR NO SEU PAÍS DE ORIGEM.
Mumbembe : Os agitadores podem falar como quizerem, o nosso governo e a oposicao angolana nao vai optar a sujeira da política Congolesa. Uma coisa é certa, caso for decidido que os Congoleses abandonem Angola,é claro que será dificil. Visto os angolanos do sul e centro naa sabem identificar, quem é e quem nao é. Nós do Uige,Mbanza-K. Cabinda reconhecemos quem é estrangeiro no nosso seio.Esperamos isso nao seja atitude angolano.
Reflexão (Salt Lake city): Mania dos Congoleses em falarem das fronteiras que foram distruídas no passado. Opá Opá... Chega. Angola é Angola é Congo é congo. Se Assim for S. Tomé também é Angola porque são descendentes de Angolanos e Cabo verde é Guiné Bissau por que são descandentes dos Guinenses. O que se passa aqui é que Angola como é um país rico, vocês querem ser Angolanos e invocam o reino do Congo que já era. Mas nunca ouvi nenhum angolano a invocar tanto o reino do Congo e a identificar-se com os Langas! Angola é Angola e Congo é Congo. Portanto cada país é soberano dentro do seu território. Os LAngas decidiram expulsar os Angolanos LEGAIS. Angola está no direito de tomar a medida que achar mais conveniente. Mas o nosso governo mostrou supremacia ao não expulsar os milhares de Langas do nosso país. Filhos da Terra regressam e vamos colocar Angola no lugar que merece estar dentro da escala Mundial. VIVA o ANGOLANO!!!
Cerrar fileiras contra invasao!!! : Os congoleses nao sao amigos dos angolanos do Uige, Zaire e Cabinda. Os nossos irmaos angolanos destas provincias sao ingenuos e esta expulsao dever ser uma chamada de atencao que sao angolanos e devem estar do nosso lado. Devemos todos cerrar fileiras contra imigracao ilegal.
Tscheto (Germany): Os ruandeses tambem estäo no meio dos Zaikos ilegais,entrada silenciosa para ocupar Angola como na RDC,todos infiltram- se como congoleses e um dia väo querer fazer rebelhäo!e por isso Corrida com o dispersado Ruandes.o Angolano e que esta a pagar por tudo.RDC e Angola tem que controlar bem os seus cidadäos.Abrem olhos.
AZAR : Recebam o mesmo que fizeram aos Portuguese, não estão a gostar pois não........
Bacongo Radical : Alguma vez ja te disse que so angolano, nunca foi e ne serei, so Bacongo pronto, nao preciso de ser Angolano e ne tenho interesse disto. amou Uige, Baixo-congo, Zaire, cabinda e ponte negra, eu nao so Angolano e nunca foi. por isto fica com vossos ducumento nao tenho interesse disto. so Maquelense, nao sonho de ser angolais e da aqui a pouco virao um novo reino do Congo
É hora de agir! : Atenção: Todo o Bakongo deve estar preparado para o combindo....(entendam) usem todos os meios dispóniveis para ripostar qualquer tipo de ataque ou agressão. Aliás seguno as orientações (entendam)qualquer (shungo) que cair na rede elimen-o sem dó nem piedade honremos os nossos conterras!
MAKO- MOVIMENTO DE AUTO DETERMINACAO DO CONGO : Em tudo isso os que sofrem nao sao os angolanos mas sim os BAKONGOS, por isso devemos nos unir e decidirmos o nosso futuro. os expulsos alem da situacao dificil que suportam lá, mas chegando em angola terao mais uma outra descriminacao por serem bakongos- por nao expresar a lingua dos colonos etc por isso un kongo unido e restabelecido os dará dignidade. o poder de angola pertence aos OVIMBUNDOS -KAMUNDONGOS e CREOLOS.
anónimo (luanda): apanhem o bacongo radical, ele tem documento falço, é um zairense infiltrado.
ZAIRENSE PURAMENTE : coitados. foram expulsos no congo como estrangeiros, e terao mais outra maka dentro do seu pais de origem vao ser chamados de RETORNADOS- LANGA LANGAS- REGRESSADOS e depois serem excluidos por nao saberem se exprimir na LINGUA DOS TUGAS. que viva ANGOLA DOS CREOLOS
BALUMUKA para EL 26 Europa Ocidental (KALUNGAMATA@HOTMAIL.COM): Se estas por matar os zairenses entao comessa com este mesmo q chamas de miala... pois ele tambem eh um bakongo, visto que bakongo sao considerados de zairenses, para voces sujos q se infiltraram na Europa ficando gordo na alemanha como parasitas somente papando a xibota da tua branca gorda q banha uma vez por mes.... Agora me pergunto... sera q estes q estao a ser repatriados do congo q na maioria nem se quer sabem expressar uma palavra em portugues, serao aceite como angolanos? se eh q os xungura se limitam em avaliar o povo pela lingua, deixando a parte a sua cultura....? pelomenos a xenophobia nao faz parte do meu dicionario...
Ao Gasrsta Merca : jovem, desculpa-me se te sentiste julgado e magoado pelas minhas palavras. nao era minha intencao. eu também gostaria ter a certeza de que no ultimo dia com certeza estaria no céu.se eu estiver la(no céu) vai ser so pela graça. nao tenho nada que impressione a Deus.sou pecador.tenho orado para que Deus seja misericordioso comigo e outros.a minha vida é um nojo diante do CRIADOR. ore por mim irmao. chamo-me Miguel.PARA DEUS TODA HONRA E GLORIA.
KONGOLAND : Este problema e politico.Os Bakongos vão ser mais uma vez vitimas nos 2 países.A guerra não mais longe.
EL 26 europa ocidental : o general miala foi libertado já está em casa,para festejarmos a saida do nosso general miala vamos assasinar zaírenses em todo país.
MIMI Luisa LUTONADIO : nos se continuamos distraido ate as nossa proprias terra sera desarmado, este nao é uma invassao Angolana entre anbas parte mais é uma invaossao silecioso bacongos, se no Congo estao receber os nosso bem nos expulsar do congo, hoje em luanda na sambila e Kikolo comeso a massacre os Congoles, mais saiba as vitima sera eu e vosse, por isto penso a todos bacongo que estao apoiar este massacre que acontece contra oa congoles, nao reclama quando receber obito o quando receber uma telefonema de Angola um dos seu tio, o vizinho foi vitima de ataque, e nao diz que foi azar cuetado do tio. é uma coisa muito bem preparado pelo servico segredo do mpla. apoiar sim mais deve saber as consecuencias. esse bairro todos que estao falar é ocupadp pelo os zairense o que saiba é ocupado pelas pessoa como estao ser expulso na RDC, retornado, nos é que controlamos aqueles bairro, hoje muito shungura estao encarar isto como uma oportunidade o comeso da sua vida nicio, sonhando de uma nova invassao como em 1975 quando os portugues sairam e abandonaram as casas, muito estao participar neste massacre so para ocupar os bem dos Bacongo do norte.vamos usar as nossas cabeca. e saiba muito de nos vamos receber os obito. por que isto esta cheirar nada bem.
grupos dos assassinos : Populares em Luanda atacam com catanas cidadãos da RDC
angolano (Ndalatando): Como angolano,condeno esse acto de barbaridade que constitui mesmo grande violação dos direitos humanos e pergunto mesmo será que essa invasão desenfreada de congoleses a angola não se tem em conta?esses é que são mesmo amigos da cobra. pesso que perante a essa situação o governo deve ter em conta medidas a tomar para a defesa do cidadão angolano quer onde ele esteja.Fuuuuuuuuuuuuiiiiiiiii!!!!!!!
Bacongo Radical : Os bairro controla pelo Bacongo realmente nao rende, vamos a guerra, nao vamos a ceitar o que o correu em 1992, muito quere ja a proveitar nos umilhare e receber os nosso bem e as nossas casas, nao podemos a ceitar sermos assinado no Congo e depois em luanda, quem tem arma melhor que com esta arma proteja 10 casa do seu conterano, ele nao vao matar os Congoles democratico mais sim os Bacongo do UIge, zaire e cabinda, por isto fica antento, ele nao sabe separar nada em nada ja que o angola é identificado no nome portugues e nos no nome kicongo. ai vao confundir de novo quem vao matar. ola na mao de ninguem ja nao morremos. a discriminacao ja é de mais, nos nao podemos pagar pelo nosso sanguem o conflito de JSE e cabila, que ele resorva o seu problema sem usar o sanguem dos Bacongo
GELOSO MARIA NDUKULIA : Um charlatão, que à custa da doença alheia, enchia os bolsos, fazendo-se passar por médico, foi detido, esta semana, em Luanda, depois de ter causado a morte a um bebé. O pantomineiro, da República Democrática do Congo, não é, infelizmente, um caso isolado. Antes dele, só este ano, já tinham sido detidos 199 impostores, muitos dos quais estrangeiros, que se faziam passar por médicos. É gente desta, capaz de tudo para enriquecer – falsos médicos e farmacêuticos, traficantes de diamantes e de drogas, “pastores do demónio”, que vêem da inocência das crianças a razão de todos os males, “purificando-as”, com a escravatura e a violação - que tem sido expulsa de Angola. Mesmo, assim, acentue-se, dentro das regras internacionalmente estabelecidas. Os estrangeiros honestos, de todas as nacionalidades, vivem descansadamente entre nós, ganhando a vida legalmente e contribuindo para a reconstrução e progresso do país. São bem-vindos, ninguém lhes quer mal, os persegue. O mesmo não acontece com os angolanos residentes na RDC, que regressam, agora, na maioria, de mãos a abanar, agredidos, insultados. Uma vez mais, damos uma lição a África e ao mundo.
Zairense come pessoa..... : Leia comentario da LUNDAPAWER, gostei por mostrar ele é de la, la é ele que faz lei o nome é dele la. os que fala de habito Angolano eu ate nao sei como é habito angolano, eles fala assim tipo todo povo de Angola tem mesmo comportamente, sao esse quando lhe pergunta Angola tem quantos km de superfici, quantos habitante, onde fica MOXICO nao sabe. ne sabe o nome que tu tem é de que regiao em Angola, mais se dizer so Antonio da costa da foceca ahhhh é mesmo Angolano, em quanto noutro Pais africa o nome ja apresenta a sua identidade, é no caso da RDC. so o teu nome ja mostra de que regiao es.
Garsta Mersca : Os nao cristao precisam ouvir e praticar a palavra para que se arrependam e se desviem dos seus maus caminhos convertendo-se a Deus e caminhado nos caminhos de Deus . Nao desejem contactar-me porque eu nao tenho nada de bom a vos dar a nao ser aquilo que um dia Deus me deu , desejem contactar a palavra de Deus atraves das Santas-Escrituras , da biblia voçes obterao coisas mais issencias do que as que voçes podem obter de mim , sigam os passos de Jesus e nao os meus passos , porque imperfeito que sou os que seguirem os meus passos estarao muito mais longe da perfeiçao , sigam os passos de jesus e nao os passos dos pastores e homens que pregam a palavra de Deus , como Jesus mesmo disse : Façam o que eles dizem mas nao o que eles fazem . Se alguem te diz por exemplo : [ Amigo meu ama o teu proximo como tu te amas a ti mesmo ] Se este mesmo alguem que te manda amar o teu proximo como tu te amas a ti mesmo for alguem que nao pratica o que ele diz tu nada tens a dizer contra ele apenas deves ouvir e praticar o bom conselho que ele te da . Por isso Jesus disse : Façam o que eles vos dizem mas nao o que eles fazem .
Salomao (KinangaD@gmx.de): eu acho que isto e uma injustica ao povo angolano e congoles que nao teem nada a ver com isto tudo que esta a se passar. peco aos governadores que parem com isso porque quem vai sofrer e o povo.eles que dao mais atencao nos problemas que estao a se passar nos paises.
MESO DIDI : angola fazem parte do continente africano nao podemos esqueser a image de angola e atitude perante os seus visinho.angola sempre da escosta aus cidadao da origen africano.amente do angolano é como angola faz parte na europa.os dois povo ja vivia junto nao avia fronteira.iso tudo foi o invento do colono quém tinha invetado esta froteira e os limite como podemos confirmar e dividir dois povo da fronteira com mesma cultura.
Luandense (Luanda): Que o novo BI sirva para sabermos quem eh mesmo angolano. Que a presenca do PR e outras entidades do estado tenha servido para duma vez pra sempre eliminarmos estes falsos cidadaos. Que se faca o mesmo com os passaportes. Angolano eh Angolano. Estrangeiro eh estrangeiro.
Um grande parte deles nao sao Angolanos (USA): Governo Angolano deve estar muito atento
Anónimo (Acerca do racismo :): Somos todos um em Cristo. A Bíblia diz em Gálatas 3:28 “Não há judeu nem grego; não há escravo nem livre; não há homem nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo Jesus.” O racismo é um pecado. A Bíblia diz em Tiago 2:8-9 “Todavia, se estais cumprindo a lei real segundo a escritura: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo, fazeis bem. Mas se fazeis acepção de pessoas, cometeis pecado, sendo por isso condenados pela lei como transgressores.” Todos os homens têm o mesmo sangue. A Bíblia diz em Atos 17:26 “E de um só fez todas as raças dos homens, para habitarem sobre toda a face da terra, determinando-lhes os tempos já dantes ordenados e os limites da sua habitação.” Deus aceita as pessoas de qualquer raça, cultura e nação. A Bíblia diz em Atos 10:34-35 “Então Pedro, tomando a palavra, disse: Na verdade reconheço que Deus não faz acepção de pessoas; mas que lhe é aceitável aquele que, em qualquer nação, o teme e pratica o que é justo.” [apocalipse 7:9 ][ Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas e com palmas nas suas mãos; ][Em Apocalipse 7:9 João nos transmite uma linda e interessante mensagem a respeito do Céu, o lugar onde as pessoas passarão a eternidade com o Senhor: ele diz que haverá pessoas de TODAS as raças, tribos, línguas e nações, adorando ao Cordeiro. Esse texto faz meu coração bater mais forte][ 1 de Sanuel 16:7][Porém o SENHOR disse a Samuel: Não atentes para a sua aparência, nem para a grandeza da sua estatura, porque o tenho rejeitado; porque o SENHOR não vê como vê o homem, pois o homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração.]O estado do nosso coraçao é o que mais importa aos olhos do nosso Deus o todo poderoso .[Graça e Paz meu irmão. Atos 10.34-35 diz ( Então, falou Pedro, dizendo : Reconheço que Deus não faz acepção de pessoas; Pelo contrario, em qualquer nação, aquele que o teme e faz o que e justo lhe é aceitável ). Podemos observar meu irmão, que Deus não faz acepção de pessoas ou seja de nacionalidade, raça, sexo, cor, posição social ou de religião e sim que todas as pessoas ouçam e creiam no evangelho do nosso Senhor Jesus Cristo para que todos possam ser salvos por toda a eternidade. Agora e uma opção de cada um, Deus não obriga a ninguém e fazer ou não fazer a sua vontade. A vontade e desejo do Deus vivo e único e que todas as pessoas possam ser salvas, mas que depende somente de cada um em querer ou não quer fazer a sua vontade.][Atos 10:34-35] Paz do Senhor.
LUNDAPOWER : Nos os lundas ja andamos cassados de dizer que o melhor sistema para governar angola e o "federalismo" os burros I ignorantes pensao que isto significa separacao da nacao, e eu digo, burros vao ler mais! Para evitar estes tipos de problemas, e preciso liberalizarmos e descentralizar os poderes e atribuirmos os poderes nas regioes, assim comu muitos africanos dissediram aderir este sistema para melhor nos fazer representar em termos de regioes. So que muito em angola fogem este sistema federalista com o medo de perderem o poder centralizado argumentando que querem dividir o pais. Eu digo a estes individos e mentira, voce so quer governar sozinho! Somos federelistas por natureza, deste o reino do kongo ate o imperio lunda, desda a nacao umbundo ate o reino do ndongo! E possivel formarmos uma nacao harmoniosa onde a prosperidade e pra todos e nao so pra uns! E preciso sabermos viver com as diferencas, ninguem neste mundo e igual ao outro, em todas sociedades existe sempre um mosaico cultural principalmente nas sociedades africanas! Este termo de cabinda ao cunene um so povo uma so nacao, nao esta a foncionar na pratica porque cabinda este em guerra e cunene estam a morrer de fome! Qual orgulho existe nisto? Temos que souber viver juntos, o tribalismo nunca foi um monstro,e somente mais um sistema social em que habitam certos individos que repartem o mesmo custume. E preciso a ceitarmos os seus habitos e custumes fazermos uma especie de permuta social para que possa nascer dali uma nacao verdadeira sem qualquer discriminacao etnica no contexto do mosaico angolano! " Ser africano e souber lidar com os seus problemas cotidianos, ultrepassar barreiras atravez do consensso entre os povos" fugindo destes problemas e pretender que eles nao existem, e mesmo que ignorar as palavras sabias do soba la nas aldeias, pois tarde ou cedo o que foi esquecido ou dito irar de vir a suprefice tarde ou cedo.. Estou aqui no dundo e no kuango estarei no saurimo e depois no luena, vens tu me dizeres que nao sou angolano porque sou descendente de mwuatchianvua filho da rainha e mae dos lundas "lwuegi" o meu nome nao e roberto e nem antonio, mais sim kuangana e tchokanai.. Vem ca na minha terra me dizer que nao so angolano, ou entao dizer comu e que tenho que ser angolano! Estarei aqui a comer funje com os grandes mwuatas da minha terra. Estou a tua espera!
Filomeno . : We are ready to go to war , lets see who is the strongest . All we know is victory .
grupos dos assassinos : hoje de noite estaremos no kikolo vao nos verem esses langas
Filomeno . : Bacongo é Bacongo e o Angolano é Angolano . Para voçes que dizem ser Bacongos e nao Angolanos somente vos resta encontrarem uma terra da qual voçes farao vossa naçao porque Cabinda , uige , zaire sao e serao sempre provincias pertencentes a naçao Angolana e caso voçes insistirem em conquistar a independencia destas tres provincias , muitos inocentemente morrerao e no final Cabinda , uige e zaire continuarao fazendo parte de angola . Vao morrer longe com este vosso espirito de separaçao , caes duma mer..da sao voçes os responsaveis de toda esta confusao . Eu me dou tao bem com certos congolenses do congo Brassaville mas os do congo kinshassa me fazem ferver o sangue .
Bacongo Radical : ecepto Uige, Cabinda e Zaire nao somos Angolano mais sim Congoles em portugues, Bacongo em kicongo, fomos imposto a nationalidade Angolana, iniguem vai mudar a nossa idologia pronto. Bacongo é bacongo o Angolano é Angolano.
Filomeno . : Se nôs somos angolanos e nao africanos vai dizer aos franceses que eles nao sao franceses mas sim europeus e diga tambem aos chineses que eles nao sao chineses mas sim asiaticos .Toda terra foi dividida a mais de so Deus sabe quantos anos atras , aceitem as coisas como elas agora sao ou voçes esperararao seculos e seculos para verem as coisas mudarem a vosso favor . Isto de juntar paises nao é a soluçao , se nôs juntarmos angola ao congo ou o congo a angola que lingua africana falaremos nôs ? Kimbundu ou lingala ou umbundu ? Por favor . Ao invés de construirmos algo com a uniao dos dois paises estaremos nos destruindo uns aos outros . Que as coisas permaneçam como elas estam . Os congolenses estam expulsando angolanos que legalmente viviam no congo a mais de 20 anos e o que nôs aqui devemos fazer é tambem expulsar tudo que é congolés seja legal ou ilegal .
Ndombe (Kikolo): Quem nos tentar aqui no kikolo,responderemos com todos ops meios ao nosso alcance . Defenderemos o nosso povo,mesmo o zairense sera defendido porque é pessoa . Lanço um apelo ao mpla denao voltar 1991
Bacongo Radical : A guerra ja esta declarado, 1 morto bacongo sao 3 cabeca shungura. serao perseguido mesmo ca na europa, ja sabe a comunidade Bacongo aqui é gigante, somos bwe, onde 100 bacongo ha 4 chungura. a guerra esta declarada.
grupos dos assassinos : aqui o chefe das operacoes os zazas langas ja estao apanhar no fochinho aqui.agora ininciou a querra eles sambem qui nao aguentam com nosco.olha depois do can vamos lhe cortarem a metade
Nkalu (Hollanda): Os que governam nao sabem a nossa realidade. Onde estivemos durante todos esses anos de guerra colonial e civil ? Foi nos congos, hoje o inimigo sao eles é feio . Quando ouvi o responsavel da immigraçao de Cabinda que falava na tv da expulsao de congoleses eu tivera dito ao meu sobrinho a situaçao vai arrebentar,os angolanos vao ser expulsos e se esses nao o fizerem sao burros ,dito certo. O erro foi nosso, os serviços de immigraçao nao entendem nada dessa materia. Apanhar como boi e volta-los, quando se chega ao pais expulsamos os vossos so os angolanos nao reagiriam assim.
Ekuikui (Do Bailundo): Comandante em chefe autorize a operação Kinshasa se faz favor. Em 3 dias iremos atingir a capital desses canibais. A tropa já ta com sede de voltar a acção!
luegi : A intencâo de o colono portugês registar os nossos antepassados com nomes portugueses é de fazer-nos sentir diferentes dos outros africanos. Os nomes portugueses esconde a nossa verdadeira indentidade causa diferencas, e aumenta o ódio.Hoje um português é considerado mais familiar do que os nossos irmâos congoles es.Nós Se formos a ilha de luanda e perguntar-mos aos ilheus quem sâo diram que sâo quimbundos, na verdade sâo uma grande maioria descêndente dos bacongos. 90% dos ilheus têm apelidos Afonso, esse Afonso é o registo que o colono portuguës deu ao rei bacongo na altura, depois o registo católico, para melhor dominacâo colonial. Nòs somos Africanos e nâo Angolanos.
Filomeno . : Estamos em guerra , que alguem agarre este Bacongo Radical para que a gente lhe corte os pés e as maos e uma vez ele estando sem os pés e as maos a gente lhe mandara conduzir um carro e caso ele nao for capaz de conduzir o tal carro a gente queimara o carro com o Bacongo Radical dentro . Même en europe personne ne peut nous arreter parce que nous marchons avec des gens invisibles que seront pret a nous rendre service en tuant tous les porcs congolais , jai pas dit tous les congolais , seulment les porcs congolais , ceux que disent vouloir tuer mes compatriotes . 1 angolais mort equivaut a 100 congolais morts .
dilamungangu- kolo histoire (waterford-ireland): seja langas ou angolano somos todos africanos quando voces dizem uniao africano significa oque.. e para matar as pesoas. alguma vez ja ouviram que na uniao europea os frances estao amatar portugues.penso que governo devem legalizar aqueles que ainda nao estao legalizado.porque matar langas nao e solucao.ate podem confundir os bakongo com langas olha nos bakongos com langas somos da mesma familia porque somos do congo dia totila.
Viriato : Ainda que ascenda para 120 mil, a falar é que se entende a gente. E os paises. Eles não têm nada que perder em caso de conflito. Mas Angola sim. Pode perder os avanços económicos conseguidos até á data. Neste sentido Angola tambem pode dar exemplo em África e demonstrar que se pode negociar com palavras neste continente.
Anónimo : SE OS ANGOLANOS FIZEREM O MESMO, NUNCA ANGOLA A DE CONSTRUIR A PONTE QUE LIGA SOIO A CABINDA
Bacongo Radical : Cada bacongo morto sao 3 cabeca dos shungura, a guerra nao vai ser so em africa mesmo aqui na europa, quem tem conhecimento onde vive shungura caso mata um bacongo em luanda nos tambem matamos, a guerra ja esta declado. ja disse um bacongo sao tricabeca de shungura precisamente kimbundo.
assassino : daqui ha nada vamos ao kikolo e palanga eu ja disse matem todos os langas
JOAO : Carta aberta aos lideres dos 3 Países da Comissão do Golfe de Guiné contra Xenofobia e Intolerância Avaliação do Usuário: / 0 PiorMelhor Notícias - angola24horas sadcCarta aberta aos lideres dos 3 Países membros da Comissão do Golfe de Guiné Objecto: Repúdio as políticas da Discriminação/Xenofobia e Intolerância contra os cidadãos dos territórios oriundos do antigo Reino do Kongo Excelentíssimos Senhores Presidentes das Republicas: -Angola Engenheiro José Eduardo dos Santos -RDC Senhor Joseph Kabila Kabange -Congo Brazzaville Senhor Denis Sassou Nguesso Excelências; A luz da Declaração Universal dos Direitos Humanos, da Carta Africana para Direitos do Homem e dos Povos, das recomendações saídas das Conferencias de Durban 2001 e Genebra 2009 sobre o Racismo, Xenofobia, Discriminação e Intolerância política; Cumpre-nos em nome do Secretariado Executivo do Conselho de Coordenação dos Direitos Humanos (CCDH) expor o seguinte: 1. Devido as crises que ameaçam e violam a estabilidade e Direitos económicos sociais e culturais, nós povos herdeiros da Terra legada a nós pelo Deus através dos nossos ancestrais, isto é, em cada Estado oriundo do processo da partilha realizada na Conferência do Berlim/Alemanha; de 15 Novembro de 1884 á 24 de Fevereiro de 1885. Dando cumprimento as tarefas que nos são incumbidas pelos os Estatutos do CCDH publicados no Diário da Republica N.º 3-D, 2ª série, do 3.º cartório notarial da comarca de Luanda aos 24 de Abril de 2006 nomeadamente: Defesa, Protecção e Promoção dos Direitos humanos consagrados na Lei Constitucional de Angola; obriga-nos quebrar o silêncio e assumir a posição dos actores não estatais que velam para o bem-estar das comunidades em vez de observadores Sociais inactivos. Tendo em conta da trágica trajectória da colonização que fomos vitimas; os povos da bacia do Kongo não aceitam mais ser submetidos a um outro processo da perseguição, torturas, xenofobia, segregação étnica e descriminação fomentadas pela intolerância politica que reina nos três Estados (R.C, RDC, R.A) sendo factores incontornáveis da falência dos sistemas das lideranças que desprezam os valores humanos dos cidadãos nacionais em favor dos interesses estrangeiros e das Elites no poder. 2. Por longos anos de colonização, os martirizados e perseguidos de Angola para os Congo, atravessando fronteiras em que no contexto das raízes culturais são artificiais, por que pertencem a mesma etnia (kongo) nem tão pouco são estrangeiros dentro da nossa Terra. 3. Nesta hora da verdade em que os Governos da região estão a utilizar homens oriundos das mesmas famílias para exterminar os seus próprios irmãos em benefícios dos poderes instituídos, pelo que; Apelamos o fim imediato destes acontecimentos que não dignificam ninguém. Nós sabemos o que está por detrás disto; é incitar ódio nos corações dos fanáticos para poder provocar novas massacres étnicas principalmente dirigidas contra etnias, neste caso concreto atingir algumas pessoas visadas da etnia kongo. Como foi o caso de Sexta-feira Sangrenta de dia 22 de Janeiro de 1993, que até aqui nunca foi esclarecido. Perante estes acontecimentos apelamos a sua Excelência Engenheiro José Eduardo dos Santos utilizar a sua maturidade e idoneidade por que, o que está se passar é pura vergonha para todos nós Angolanos e particularmente para o MPLA: Vejamos; a sustentabilidade e segurança dos regimes dos dois Congo, nós Angolanos fomos sacrificados em tudo. Por que, hoje queremos destruir aquilo que nós construímos com suor? Ao Senhor Presidente da R.D.C. Sua Excelência Senhor Joseph Kabila Kabange; o que está acontecer hoje é uma vergonha para si e também para o povo do Congo Democrático; como é que de pé para mão esqueça-se que os Angolanos foram sacrificados para manter-vos no poder, desde o fim do regime do Marechal Mobutu até hoje? Seria muito mais benéfico de ocupar-se da instabilidade na região leste do que ter mais um outro conflito no sul da RDC. Não é bom fechar a sua porta de entrada e saída. Num passado recente os adeptos de “Bundu dya Kongo”foram barbaramente assassinados, torturados. Isto teve lugar na província do baixo Kongo, até aqui nunca houve uma explicação. A Sua Excelência Senhor presidente da Republica do Congo Brazzaville Senhor Denis Sasso Nguesso: Não é bom que responda o mal por mal. Somente vai atingir inocentes. Excelência, a contribuição dos Angolanos para o sustento hoje do seu regime é suficiente. Se não recorda-se daquilo que o seu povo fez para termos Angola de hoje. A todos os homens de boa fé e patriotismo, sábios e soberanos desta região identificada como CORAÇÃO do BERÇO da HUMANIDADE, chegou a hora de colocar o nosso saber ao encontro do temor de Deus, para que possamos ajudar os mais fracos a ultrapassar o mal. «Mwana fyoti bweke Nsuki tumbu kwa ambuta/makuku matatu mayidisanga nzungu». A camada intelectual e comités de especialidades partidários e não só, eis o momento de trabalhar para Paz, Segurança e Direitos Humanos. Para os dirigentes das Igrejas e Sociedade Civil, mudem da imaginação para obras práticas, não apoiam ninguém para fazer mal aos nossos próximos. O que está se passar é obra do Diabo. Solidarizem-se com as vítimas, promovendo a reconciliação entre os martirizados (Kongo). Que Deus vos abençoe Feito em Luanda aos 08 de Outubro´2009 Secretario Executivo Francisco Tunga Alberto C.c – Países membros do Golfe de Guiné - Comissão Executivo do Golfe de Guiné - União Africana - Alto Comissariado para os Direitos Humanos da ONU - Embaixadas acreditadas em Angola - Países da EU - Conselho das Nações Unidas para os Direitos Humanos - Organizações das defesas dos Direitos Humanos: República do Congo R.D.C Angola
Bacongo Radical : mataste o Bacongos o langa? eu ja disse na Mabor vao sair com os tiros, ai nao se brincar, quem tentar na Mabor, Kikolo e palanga realmente é o pricipio da guerra da separacao de Angola que tantos sonhamos.
Open minded (Cade os sentimentos?): ja matei 6 Langas no Roque !!!! sinceramente nao entendo como eh possivel um ser humano eh capaz de dizer algo tao absurdo e para piorar o comentario esta ai e gente de com coracoes humanos estao obrigados a ler absurdos e nao sei sabem que muitos estrangeiros entram aqui p ler os comentarios e que vao pensar da gente? Muitos Brasileiros nas ruas, Chineses sobram em todos os cantos do pais, ninguem sabe quanto sao actualmente e muitos Malianos perdidos em todo o oterritorio. Nunca entendi o odio entre Angolano e Zairenses, na europa somos todos amigos, nao tenho problemas com Zairenses, estamos sempre unidos e sem brigas, entendo que aqui cada um depdende do seu bolso. Tanto o governo Angolno e o governo Zairense devem sentar e conversar bem, o presidente do Zaire nao eh 100% Zairense e nem fala lingala, nasceu na america do sul e apenas voltou no pais quando o pai chegou no poder. Em Angola temos muitos crioulos e chefes do governo e ninguem fala nada, levam a economia do pais pra as suas terras, visita Sao Tome e Principe e veras que nada tem que ver com africa, super lindo demais e nao sei onde sai o dinheiro. A dor q sentimos quando perdemos um irmao, eh a dor que todos sentem quando perdem um ser querido, entao desejar morte a inocentes eh o mesmo desejar a morte ao seu querido, nao devemos aplicar o odio onde podemos aplicar justica. A terra eh de deus e ficara p o deus.
Anónimo (assassino): olha eu ja matei 6 langas aqui no roque estao proibidos de venderem no palanga ja truturamos muitos deles os meus grupos de assassinos etao ja concentrado para matarem noutro sitio viva angola langa fora de angola
De malange (enquiry@travelrepublic.co.uk ): Quem q ta a falar mal do norte? olha q estamos sentado a 30 anos e ainda nao alevatamos pra lutar.... ja deram 7 chapadas e aida nao ajimos.... quando ajir sera fogo oque a UNITA tinha feito nao eº nada.... vamos vir nas vossas tocas e meter fogo em tudo q eº saida. eu sou de malange e minha mulher eº do uige, fui formado no zaire... sou zairense????? verdade luandense eº so cu duro e beber no cerebro nepias, sempre atras dos pulas... JES ESTAMOS A TE OBSERVAR
Anónimo : Bakongos, se consiguirmos nos unuir para reformação do Reino do Kongo, os Kimbundo e bailundos ficaram sem Petroleo que da asas nos Angolanos viveram da Batata rena do Waku-Kungo e milho da Benguela e o peixe do Namibe, por esta razão pedimos uma forma de um Partido para frente dos bakongos sera capazes... avante Cabinda, Zaire e Uige.
Jornalista independente na fronteira do Luvo (luvo): ANGOLA PRETENDE Desestabilizar A RDC Apesar da criação de uma Comissão Mista Congo-Angola para analisar a situação criada pela expulsão mútua dos congoleses e angolanos, atos de violência são sempre observados no solo, onde a situação humanitária é considerado "alarmante". O ex-ministro do Interior, Denis Kalume pediu Kinshasa e Luanda, para "ressaltar a coexistência pacífica dos povos", disse que "a forma mais adequada para resolver esse problema é a respeito dos textos existentes, incluindo o recenseamento populações e à repatriação de pessoas, respeitando as necessidades humanitárias ". Mas, para além do óbvio, havia o frio "que caracterizou os últimos meses a relação entre Luanda e Kinshasa. Ele cita como prova a ausência de representantes da RDC, em Luanda, onde é considerado o projecto Westcor, incluindo a barragem de Inga hidrelétrica é um componente principal. Em resposta, o chefe de Estado de Angola, Eduardo dos Santos não participou na cimeira da SADC realizada em Kinshasa, onde seu colega Joseph Kabila foi eleito presidente. Além disso, a questão da exploração marítima do Congo, onde existem grandes quantidades de petróleo, poderia também explicar a atitude arrogante e provocador de Angola, vis-à-vis o RDC. Congoleses e angolanos também têm direito a perguntar: "Joseph Kabila e Eduardo dos Santos que chamaram de telefone para discutir problemas enfrentados pelos seus respectivos países? . Se a expulsão de cidadãos de um país ilegalmente em outro é um fato "normal" é assim que assumiu a agentes para esta operação é um problema. Ignorando soberbamente sob consulta ideal do Comité Misto principal DRC-Angola, os dois governos dão a impressão de viver com a deterioração da situação. Caso contrário, eles teriam feito tudo o possível para pôr em movimento, tudo cair. Estranha coincidência, quando a falar da expulsão de Angola e da RDC, vice-versa, uma história diferente nos chega do leste. Principalmente, do Burundi, onde eles falam uma situação confusa com o retorno em massa de refugiados congoleses. O ACNUR foi preparado para o risco de ser esmagada. Mais de 100 mil refugiados que pretendem regressar à RDC. Isto teria exigido o afastamento do ministro do Interior para conhecer a situação exata. Mesmo encontrar a fronteira com a Tanzânia. Ele também causa um retorno maciço dos "refugiados congoleses. Rumores relataram a mesma decisão teria tomado Zâmbia para deportar cidadãos congoleses. Suficiente para suscitar muitas dúvidas, uma vez que estava a preparar alguma coisa contra a RDC. A desestabilização não dizer o nome dela. Por quê? Ler os sinais do tempo O plano para a balcanização da RDC inventado pêlos compridos para o vasto território de mais de dois milhões de quilômetros quadrados de mudar de forma. A estratégia, atualmente em andamento, está a enfraquecer ainda mais a RDC para finalmente fazer capitular. Desde o apoio para a marcha, em 1996, as tropas AFDL a Kinshasa, Luanda continua a considerar que a RDC se encontra endividado, de uma forma ou de outra. Deixar de receber uma conta de dinheiro na guerra, Luanda busca como aliados AFDL a Leste (Ruanda, Uganda e Burundi) para fazê-la pagar. Além disso, Luanda tem visto muito pouca vontade para a RDC, para ver um pouco mais clara na exploração dos recursos petrolíferos na "zona económica comum" fora do Oceano Atlântico. Tantas coisas que, de alguma forma, irritou o governo no poder em Ruanda. No local, em Luanda, diz que faz nos meios especializados, vemos muito pouco que Kinshasa iria questionar alguns dos termos do acordo - mesmo ocultos - depois de tanto apoio para a manutenção do poder em Kinshasa. Pode-se lembrar, neste contexto, o desastre causado pelas tropas angolanas da província angolana de Cabinda, os elementos rebeldes que liderou uma operação de comando no início da base militar de Kitona para derrubar o governo de Kinshasa . Outro fato não deve ser esquecido é a próxima eleição presidencial em Angola. Em Luanda, apesar da paz encontrada com o fim da guerra com a UNITA, os congoleses da República Democrática do Congo, sempre teve uma inclinação para o partido do falecido Jonas Savimbi. É, portanto, um perigo a ser removidos antes que seja tarde demais. Isso também poderia explicar o comportamento de Luanda. Ambos os fatos sugerem que as deportações forçadas destes dias, Luanda e noutros locais, não são livres. Há muitos não-dito, em todos estes factos. Em Kinshasa, no entanto, ler os sinais do tempo de certos eventos de antecipar. Nós não podemos dizer basta - o objetivo é enfraquecer o impulso para Kinshasa, República Democrática do Congo para cumprir uma agenda escondida, que infelizmente não parte com seus interesses. Tome cuidado para que essas expulsões são um ecrã para expressar, compartilhar e outros aliados da RDC, as frustrações, não reconhecida. Em Kinshasa, a abrir o olho eo direito de não ser surpreendido.
Anónimo : Tiago Nzita, onde esta? o Fulupinga ja é assinado o FNLA lutam pelo poder do partido, seria melhor fazer uma frente cumana para libertãção do Congo Português neste clãn dos Satomistas.
bakongo (setedias@live.com.pt): Ola Irmaos, Culpa nao eº do Governo Zairense, mas sim do MPLA, ja a muitos anos o governo do MPLA tem abusado com os direitos do povo zairense, sexta feira sangrenta, violacao das mulheres e muita coisa, o mpla nao se ewquese q em 1975 muitos angolanos se refugiaram no zaire, e foram educados e muito bem formados, hoje estao a exercer cargo com o mpla, por sima o JES teve no zaire, agostinho neto teve no zaire, aquele Judeu Lucio Lara teve no zaire. Nao culpamos o Governo zairense. PRA RESPONDER AQUELE Q ESTA A FALAR MAL DO UIGE... 85% de quadros em angola sao do uige e do norte. o sol alevanta se no norte e a inteligencia vem do norte. a culpa nao eº nossa se recusamos lutar contra Unita. nao matamos o nosso proprio irmao. ve a % de mulatos em benguela, luanda e nas outras provincias, no Uige todo mulato conhece o seu pai e tem casa, nenhum branco vem no Uige pra deixar a semente e partir. se queres falar mal do uige diga isto, o norte nao trabalha sem salario, nao mata o seu proprio irmao, e nao temos e nunca teremos medo do branco. filho d cobra e cobra, cobra nao casa com ratos. o tribalismo sempre existiu desde o tempo do Jesus cristo esta na biblia.... fas as tuas procuras na net depois vens ca discutir com o ENG.......... SEU ATRASADO...
Anónimo : Então o JSE não diz nada sobre esta crise das dua Nações? é gravissimo, a rébrtura de Kongo dia Ntotila ( o rieno do Kongo) sera a boa e a uica solução.
manubasy (haute savoie): Hà dias vi uma reportagem da tpa que mostrava cidadâos congoleleses em Cabinda cujos certos menores. "Boa liçâo de solidaridade"dizia eu! visto as condiçôes de vida da RDC hoje,é pena para os dois paises em particular no ponto de vista historico,e africano em geral.Enquanto os outros se unem os africanos se dividem.Esperamos que o problema vai se resolver passificamente.Contudo viva Angola viva Africa.
Bacongo Radical : è este momento o Nzita tiago e a fleck tem que levantar, tambem estou de acordo, como ele proprio diz, viva Congo belga, vive Congo frances e vive Congo Portugues assim termina sempre o cota Tiago o seu discurso.
Anónimo : Eu não sei porque que o comandante em chefé das nossas forças armadas, não ordena uma invasão do congo, e trocar o regime.Mais eu sei qual é a intenção do Congo e a França, é nós involver numa guerra, para travar o nosso desenvolvimento. Isto que o Congo esta a fazer, so tem uma finalidade e um conflito armado e eles com o,apoio da França, prolongar a guerra e nós ficarmos mais uma vez oucupado e esquecer a nossa reconstrução nacional. Porque o Congo, tem inveja daquilo que se passa em Angola. O problema não é que Angola expulsou congoleeses ilegal. Porque até não foram os congoleses residentes, foram apenas algumas centenas, Os Anggolanos, ja atingiu 12 mil e são legais.Cuidado que estés querem nós provocarem a nossa iria.disse o mandavid
Fulama (Sr): Nzita Tiago vai reunir com todos bakongos de diaspora e seus movimentos clandestinos,e antigos militares de flec fapla,faz,elna e fala para apresentar a nova estractegia de ngola da situacao prevalente no seio dos bakongos.
TEMPO MUDA ----BUNDES (DJNGOLA@HOTMAIL.COM): Tanta converça tiràO so todos LANGAS NO BAIRRO PALANCA MABORE pelomenos ali a um lugar vasto para os nossos irmào que foram espulços da terra deste povo mal agradecido , pos ZÈ EDUARDO esta a pagar o que ele fez os ajudou sairem da escravatura ,agora nös todos temos que pagar por isso ,BAZEI
anonimo : estes até mesmo deve ficar já lá na fronteira com zairre ,estes não são mas angolanos são já zairrese ve-se mesmo com as mascaras do mecacoo, é so falam ligala como todos uigesse ,os do uige também são zairrese so utilizam mecacoo para ficar claro gente burra atrazados imitam tudo dos zairreses
ANONIMO (luanda): Ngunga tu es um burro tu mesmo es langa e tas a mandar matar os baconcos que voces chamam de langas nos CHUNGURAS e os que tao voltar portugues nao falam so lingala ebom assim vai arebentar vais uma gerra vamos ver os mulatos e branco angolanos falsos vao fugir para Portugal porque quando a gerra se tornam de Portugues e agora que vamos ver
pura angolana : zairreses fora da angola é leva também todos do uige esta gente não prestas gente suja so sabém viver de mascaras do mecacoo, para ficarem brancas utilizam pistiço de varias cores parece estão todos os dias no carnaval ,fora com esta gente da angola gente suja ,fora vão lá com os seus mecacoo,so vivem de mecacoo gente burra pá
nono (cabinda): Nos somos africanos devemos ter uma uniao dos proprio aficano
PEDRO : QUEM COBRE E AJUDA OS ESTRANGEIROS SÃO OS ANGOLANOS . COMO É QUE ELES ENTRARAM EM ANGOLA? ONDE ESTAVAM OS SERVIÇOS DE MIGRAÇÃO E FRONTEIRAS CORRUPTA POR UM SALDO? DEVERIAM SER ISONERADOS TODOS, POIS A SITUAÇÃO DA GASOSA VAI CONTINUAR CONFORME EM CABINDA ACONTECE NESSA CEITA RELIGIOSA DO LUCOLA, É O PRÓPRIO SENHOR CENA QUE TRATA OS DOCUMENTOS AOS MALIANOS E SENEGALESES E OUTRAS RAÇAS DE NACIONALIDADE DUVIDOSAS QUE FREQUENTAM A TAL CEITA DE NOME SILLA, QUE INCLUSIVE A PROPRIA CULTURA TIVERA ENCERRADA,MAS PELA A CORRUPÇÃO E INFLUÊNCIAS DO SENHOR CENA A CEITA ESTÁ ABERTA.SENHOR SENA DEIXA DE PROTEGER OS ZAIRENCES NO LUCOLA ISSO AGORA DA CADEIA ESSA VOSSA CEITA SILLA VAI TE DAR PROBLEMAS AI EM CABINDA NO BAIRRO LUCOLA
Pizzaria Mumbembe (Para o Mumbembe): O Sr Mumbembe, se-me lembro bem tu era da queles que apoiava a politica de expulso dos Congoles da RDC ate mesmo ser assassinado se for possivel, tu era ums que defendia que no Congo ja nao existia refugiado Angolanos, quer dize neste momento para ti esse refugiado Bacongo Angolano que estao ser expulso na RDC nao sao Angolanos sao infiltrado, pra ti ate nao merece entra em Angola ao mesmo tempo o governo comesa ja ja ja ja massacra esse langa como tenha chamado, mais saiba quando luanda revoltar atacar os Congoles ne eu ne tu ums das nossa familiare escapara neste massacre cada familia Bacongo terra OBITO como aconteceu na sexta feiras. Vote dizer ja a minha possicao, eu nao so fanatico dos Zairense ne de Angolano, so fanatico do AMOR, quem é amor Jesus e o seu Pai so cristao, nao gosto do banho do rio de sanguem, todos nos temos direito da vida, ninguem tem direito a tirar avida doutro por ser nao sei quem, e nao vo te esconder nada, nasci no Congo precisamente em Kinshasa comuna de Barumbu, de Pai e Mai Angolano os dois nascedo em Angola, a minha mai o tio é que lhe levo no congo de pois da morte da mai e o pai dele, assim como o meu Pai, os dois sao bacongo precisamente da provincia do uige, domina muito bem esta lingua e sao orgulho de ser Bacongo, tambem eu grande orgulho deste identidade Bacongo que eu so, se tu diz que eu so Congoles isto eu nao negou, so mesmo!! mais se tu diz que nao so Angolano na realidade posso te dizer uma coisa tem 100% a razao, isto foi me imposto pelo o Colono isto eu nao negou, e tem o teu direito de me retirar esta nationalidade em quanto quizer, mais de Bacongo o Congoles tu nao me tira com isto so orgulhoso e ate podemos ir em guerra com isto. Agora vo te dizer a minha vissao, os Congoles da RDC o bem dizer os Zairense nao sao o meu inimigo e nunca fora e nunca tambem serao, nao existe razao de eu lhe odeia, eu so uma pessoa que sonho com uma SADC free uma africa unida, unimos como os europeu, uma africa sem fronteira, so uma pesso que apoio a idologia do Kwama Kuma, Heise selaci, Bob Marlen, Kaddafi e outro, so uma pesso contra banho de sangue e ditadura na africa, imagina bem Tu vives na Holanda o nao!!eu na Bundes, podes comparar uma holanda com Alemanha? nao nao, alemanha é um Pais que antigiu todo nivel do devolvimento, é um Pais chave da europa é um Pais rico rico rico dificil comparar com a holanda, so pode ser comparado com os Pais do G7 os mais rico do mundo e mais industrializado. Agora vo te dizer por que eu disse isto: mesmo com o nivel alemanha atigiu mais a ceito dividir o que ele tem com o Pais como portgal, espanha, grecia, polonia, cheko, Slovakia, bulgaria e Romenha que nao tinha nada, agora se os europeu tive-se espirio da feitisaria que tu tem de odeia alguem que nunca te mato o te fez mal, essa europa ne estaria assim ate nos os estrangeiro gozamos do seu sistema social, eu ja te disse ultima vez nos dos meu comentario, seria melho ir no Google earth ver luanda e depois ver Kinshasa e depois volta na holanda ve o bairro dos pobre e estrangeiro da holanda que o proprio branco holande chama de sujo impossivel viver, e da uma olhoda no bairro Miramar, bairo azul, Mutamba, luanda sul se for possivel para talatona, e vai ver o bairro dos pobre da holanda é mais bonito que os bairro dos rico milhonario de Angola e kinshsa, mesmo esse bairro dos estrangeiro e pobre da holanda se for possivel de cavar levar em Angola, o Mpla vai nos expulsar nos todos e vai dizer que nos nao merecemos viver ai, por ser mais luxo, com isto so queria te dizer seja Angola e a RDC sao pais pobre, a image que vai ver no GOOGLE de kinshasa é o mesmo que vai ver em luanda, isto prova é Angola e a RDC sao Pais pobre da planeta e do terceiro mundo, nenho dele ja antigiu 0,00 do devolvimente, todos estao -10,-10 do subdevolvimento, entao tu nao me obriga de ser patriota numa vergonha desse que esta passar entre Angola e a RDC, mais vo te dizer uma coisa os europeu estao muito antento e estao espera que isto explode, sabe muito bem Angola é um bom Pais na compras de armas ne, entao fica saber os dito bebe devolvimento que tanto fala vai abaixo e vai paralizar e o dinheiro sera concetrado na guerra. entao o vamos ganha com isto é so a mizeria, pobreza, mortelado,as terra minada, doencas, sofrimento ambas parte, sera que é isto que tu espera? entao se tu espera isto es um boelho, es um feiticeiro como ultima vez ja te disse, deve ser tu é que andas feiticar as crianca na holanda.
DJEEFDEF : isso e o inicio duma guerra os pulas ja estao atraz disso
ASSOCIATIVO DE SEXTA-FEIRA SANGRENTA : Na verdade carros irmãos a guerra está próxima porque a justa razão desta confusão está vir do mar e nos PETROLEO, a base disto é o alto mar que Angola juntou de SOYO-CBINDA em quanto que há territorio congolês no meio. Lieam 7sur7.cd para entender. Só o governo angola que pode resolver isto de boa maneira entregando o espaço marítima congolês para evitar o pior.
A luta continua a victoria é certa : Se o dinheiro do petroleo angolano foi utilizado pra comprar metade do BPA,BPC, e acções na Galp, Zon, EDP quintas de vinho e o resto agora deviam ser essas acções e empresas a realojar todos angolanos condignamente...Por direito...Sem falar dos bilhoes gastos na trata do CAN 2010
Lumona Henrique Simao Ladeira (lumonaladeira@yahoo.fr): Queridos amigos de Angola, estamos condanados a praticar a doutrina social da Igrejà entre nos e os congoleses. Obrigado. Lumona Ladeira. Antigo combatente politico.-
Vakulukuta (Zürich, Switzerland): Por favor, não fazem comentários atoas.... Angola não é só Luanda, se olharmos veremos que luanda é habitada por mais estrangeiros do que o proprio angolano....Desta vez se acontecerem mais as atrocidades de 1993, revoltaremos...Melhor é criar o federalismo neste pais.. pois as provincias de Cabinda, Uige, as Lundas, Zaire e Malange, tem milhares de cidadãos destas provincias que emigraram para o Zaïre de então Mobutu, e muitos criaram familias lá, estes filhos tem voltado em angola e onde são considerados de zaïrenses, são detidos pela policia e expulsos de angola....
Joao Batchov, UK : Bakongo: Nao apenas que refujou ou nasceu no Zaire. As suas caracteristicas nao venho apos guerra de libertacao. Eu preciso de recordar aos mais ignorantes e menos atentos que antes da chegada dos chamados portugueses ou europeus nao existia angola, existiu sim o reino do Kongo, enfim e mais outros que hoje fazem parte desta terra mae angola... Agora se existe esta de bakongos como zairenses ou melhor (congolenses), nao me refero do mercado existente em luanda esta politica apenas foi criada pelos proposito daquilo que o mais velho Bonga chamou( Tantas me mentiras inventadas para nos dividir...). O problema e que nos os africanos temos que aprender discernir, amar verdadeiramente uns aos outros, abolindo os maus conceptos que so apenas tem lugar aos ignorantes e isso falo da chamada "Unidade Africana" se estivessemos a practicar o que pregamos. Por aqui fica uma solidariedade para todos aqueles que estao sendo vitimas desta infeliz situacao e mais uma vez nota-se que os politicos so fazem de vitimas os inocentes. Agradeco tambem o governador provincial e o ministro da Reinsencao pela atencao prestada e espero que os recursos desponiveis para esta gente nao cai mais uma vez nas maos das pessoas erradas.
Ngunga : Os nosso governantes devem mostra a esses nojentos que Angola é terra de angolanos e devem adoptar uma medida similar a essa que o governo dos nojento sujos tomaram. O momento é este para os nossos governantes mostrarem aos angolanos que afinal de contas os nossos governantes são os nossos protectores. Correr com essa escumalha nojenta da nossa terra é a maneira mais adequada para responder aos LANGAS para lhes por quieto. Tirar as nossas tropas do Congo,correr com o embaixador congolês em Angola e chamar de emergência o nosso governadores e os nossos diplomatas que estão no Congo. A nossa população deve estar preparada para invadir esses nojentos,sujos que tem falta de civismo que estão na nossa terra,inclusive os que tem a nossa nacionalidade.
Anónimo : Noticias de ultima hora! Luandenses atacam bakongos com catanas confundidos com congoleses! Ta grave!
Reino do Congo Ja! : Reabertura do reino do Congo é a soluçao.
atencao bakongo, outra sexta feira sangrenta! : Tencao bakongos anivel do mundo, os kimbundos ja comecaram outra sexta feira sangrenta! Bakongos nos unimos contra os nossos inimigos!
Anónimo : Povo angolono, eis a verdade dos factos: os politicos não dizem a verdadeira razão da situação. tudo comecou em maio quando o senado congoles apresentou queixa nas ONU dizendo que angola esta explorar o petroleo do bloco 15 nas águas profundas pertecendoa RDC, como resposta o governo Angolano atraves do governo provicial de cabinda,comeceu a caça aos congoles localizado nesta parcela do teritório,foram colocados em caminhose depositados na fronteira de massabi.ai vem o ditado : quem atira uma pedra deve esparar uma resposta. fuiiiiiiiii.....
nkaka npetelo soyo : Vou fazer uma chmada de atencao, se angola quizer retalhar espero que nao confudi-se entr bacongo e zairense, tem que agirem com sabedoria, por ambos, e no caso dos agolanos que viveram la, e os proprios langas, tehem as carecteriscas.o certo e que a nacao bacongo e grande, e todos tem a onde vieram e sairam, para nao dizer que todos tem aldeia aqui em angola, passo que,o senhor Eduado dos santo e os seus pares de sao tome nao tem.
EL 26 europa ocidental : mortes com zaírenses,no palanca mobor,golf,matam todos.
nkaka npetelo soyo : Coitadinhos os meus irmao de angola que viveram no congo, la sao tratados de angolanos, ca seram tratados de zairenses, entao pergunto, afinal de que paise eles pertencem?
Zulo : O problema e o Jose Eduardo dos Santos e a sua diplomacia. O nosso governo nao tem politica de uniao com os nossos visinhos e irmaos. Os Congoleses e Angolanos sao gentes do mesmo sangue, e o Jes interfer muito nos seus assuntos e nao esta enteressado nos assuntos dos angolanos nem dos Congoleses em geral. Dao corrido ao ditador Jes, e teremos melhores relacoes com os nossos irmaos. A situacao aqui e o resultado da ma politica de Luanda.
Isabel Almeida (Gabela): Quando o Governo Angola toma atitudes desonestas para com os estrangeiros residentes em Angola todos aplaudem. Quando chega a vez de tocar na pele dos angolanos todos repudiam. Quantos em 1975 (ANGOLANOS DE RAÇA NEGRA E BRANCA) tiveram que abandonar o seu País, por calúnias e injurias, partindo para vários país de Mundo apenas com a roupa do corpo, mesmo depois da Independência e até agora que acabou a guerra, quantos Angolanos e Estrangeiros têm que deixar as suas vidas constituídas em Angola, para começarem tudo do zero por maldade do Governo de Angola e as pessoas vão sobrevivendo. O Governo que apoie estas pessoas da melhor maneira possível e deixem-se de lamechas, foram os Angolanos que começaram, agora aguentem a retaliação!!!!!!!
Nossas Fronteiras com Rdc ponto de Partidas (E Kinshasa ponto de chegada): Os Angolanos que estao ser expulsados do Congo ja vivem muitos tempo no Congo,a maioria tem casas,pelo menos o Governo do RDC podia dar tempo para os Angolanos vender os seus bens. Se continuar as nossas fronteiras com Rdc vao ser pontos de partida e Kinshasa ponto de chegada.
EL 26 europa ocidental : angolanos em luanda pegarem nas catanas pistolas e tudo for possível e matar os zaírenses mobustistas que venham a procura de dinheiro e vida facíl no nosso país sujam vendas nas ruas o país já está feio,matar todos zaírenses dingalistas gorilas.
PEDRO : QUEM COBRE E AJUDA OS ESTRANGEIROS SÃO OS ANGOLANOS . COMO É QUE ELES ENTRARAM EM ANGOLA? ONDE ESTAVAM OS SERVIÇOS DE MIGRAÇÃO E FRONTEIRAS CORRUPTA POR UM SALDO? DEVERIAM SER ISONERADOS TODOS, POIS A SITUAÇÃO DA GASOSA VAI CONTINUAR CONFORME EM CABINDA ACONTECE NESSA CEITA RELIGIOSA DO LUCOLA, É O PRÓPRIO SENHOR CENA QUE TRATA OS DOCUMENTOS AOS MALIANOS E SENEGALESES E OUTRAS RAÇAS DE NACIONALIDADE DUVIDOSAS QUE FREQUENTAM A TAL CEITA DE NOME SILLA, QUE INCLUSIVE A PROPRIA CULTURA TIVERA ENCERRADA,MAS PELA A CORRUPÇÃO E INFLUÊNCIAS DO SENHOR CENA A CEITA ESTÁ ABERTA.SENHOR SENA DEIXA DE PROTEGER OS ZAIRENCES NO LUCOLA ISSO AGORA DA CADEIA ESSA VOSSA CEITA SILLA VAI TE DAR PROBLEMAS AI EM CABINDA NO BAIRRO LUCOLA.
ANONIMO (uige): Enquanto os chunguras pensa de correr com so langa que viven en Luanda na mabor,palanca,petrangol esqueceram que soa os mesmo que o governo congoles ta espulsar no teritorio deles, chungura mesmo e sao jentes atrasados mesmo que nunca vie neste mundo pa,e confusao,porque os bacongos que viven na mabor falao portugues agora os que tao regressar no pais so falam LINGALA voa ser chamado de quem? isso e a mentalidade que o agostinho neto vos deixou de chamar os vosso proprio irmao de Zairense, agora vamos ver oque vai se passar; AVISO||||| de nao tocar os bacongo que viven en Luanda se nao vai ser guerra total com os Luandes en toda parte do mundo na Inglatera, na Alemanha, na Hollanda,Belgica.franca ect....
Kilandamoko (Como a sexta feira Sangrenta ): quer dizer os nossos irmaos bakongos do Uige, Mbanza Congo(Zaire) e Cabinda seram novamente vitimas.
o escolhido (brasil): se os langas estão a nos expulsar do país deles, nap ha macas, vamos fazer o mesmo em angola... o zeduzinho é bue tolerante com esses mambos ya. langas começam a~rrumar as malas
Longres : Por favores meus senhores de poderem acudir eses filhos angolanos que vieram desta treva de graves casos e problemas de varia ordem social que devem oferecidas condicoes materias e dinheiros. Por cada pessoa deve receber Kzs1,000,000.00 para fazer as situacoes estranhas que se vam deparar, sem casas, ou residencia. Contrucao de casas ou de plenear atribuir casas. Atencao com isto.
£ (London): so sei q os congoleses vao passar mal em angola infelizmente
Anónimo : Quando o governo não regula, o povo é que paga. Não é assim, Zé Pequeno? Primeiro, não sabe qual é a superfície de Angola, o que qualquer garoto do primeiro nível acerta mesmo desmaiado. Segundo, confunde o número de habitantes com o de angolanos, ou seja, para si não cá nenhum estrangeiro. Pior ainda, deixa-se iludir por um número que mais serve a propaganda do que outra coisa. Terceiro, ignora que a maior parte dos angolanos de cá dentro não vive, vegeta. Só assim se explica que peça ao governo que dê condições condignas a 12.000 retornados de um dia para o outro. Quarto, anda errado, quando julga que alguma vez, em parte alguma do mundo, os cidadãos dum país estivessem sob a obrigação de residirem todos no seu país. Quinto e último, tenha mais respeito para com os compatriotas ora obrigados a regressar. Muitos deles construíram por lá com suor e honra a sua vida e agora regressam com uma mão à frente e outra atrás. Muitos deles são crianças que frequentavam a escola e tiveram que seguir os pais. Quase todos sofrem esse infortúnio pelo único crime de terem aqui quem cá desmanda e desfaz. Se vo cê considerar esses pontos, quem sabe, poderá passar a Zé Médio.
Ze pequeno : A Guerra em Angola já terminou a 7 ou 8 anos. Portanto, é obvio que os angolanos refugiados nos países vizinhos algum dia podiam regressar no país, já por vontate própria ou expulsados pelos governos dos países onde refugiaqram-se, tal como está a acontencer. Segundo o Istituto Nacional de Estatatistica. Angola possui uma extensão geográfica de 1.240.700 Km2 e, aproximadamente, uma população de 16.527 milhões de habitantes distribuídos em 18 províncias e 164 municípios. Tendo em conta a estas cifras official conclui-se que o numero de habitantes no país e ínfimo em relação a sua extens ão. Por este motivo, nao há razão de tanto choro pelo regresso destes 12 mil ou mais angolanos expulsados da RD do Congo. O que o governo de Angola deve fazer agora é dobrarem as mangas da camisa e começarem a trabalhar em função destas populações (registo de todos eles e acomodação digna).
Mumbembe = Congolese!!! : Xenofobia a aparte, mas quando este Mumbembe vem depositar o seu delirio neste portal claramente pro-RDC ele nao deve ser de Angola. Acho que e um daqueles congoleses que gostaria de ver o nosso Pais divido. Nao havera guerra nenhuma com o povo da RDC ou qualquer outro Povo. Angola e seu governo sao amigos da Paz. No entanto, nao havera exitacoes para defender as fronteiras e a integridade territorial.
MBONGOMPASI (TAUNTON,M.A): E MUITO TRISTE O QUE O GOVERNO DA RDC FEZ...MAIS NOS EM ANGOLA NAO PODEMOS FAZER ISTO PORQUE OS SO CHAMADO LANGAS.. SAO O MESMO QUE ESTAO A SER REPATRIADO. POVO ESTUPIDO QUI ESTAO PENSAR FAZER MAL AOS BAKONGO CUIDADO NESTE VEZ NAO VAMOS PERMETIR SEXTA FEIRA SANGRANTE...CUIDADO COM MAO INTENSOES DE ROUBAR OS BAKONGO...
EUA : Para o anonimo, O que tem haver o premio do Obama com a saga que os nossos irmaos na RDC estao a viver? Comente sobre o assunto em questao contribuindo para a melhoria da situacao do nosso povo.
Mumbembe : Tira só este nome de Mumbembe por favor, estás fora de si, estás doente com esse teu fanatismo. Falta de solidariedade,falta de cabeca.É melhor calar, estás provocar toda Angola e todo Angolano. Cala-te por favor!
Anónimo : O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, é o vencedor do Prémio Nobel da Paz 2009, anunciou hoje o Instituto Nobel da Noruega. Obama foi premiado pelos seus “esforços extraordinários para reforçar a diplomacia internacional e a cooperação entre os povos”. O Instituto Nobel quis também reconhecer a sua visão de um mundo sem armas nucleares. O presidente dos Estados Unidos criou um “ambiente novo para a política internacional. Graças aos seus esforços, a diplomacia multilateral recuperou a sua posição central e devolveu às Nações Unidas e outras instituições internacionais o seu papel protagonista”, assinalou o Instituto em Oslo. “A visão de um mundo sem armas nucleares estimulou o desarmamento e as negociações para o controlo do armamento. Graças à iniciativa de Obama, os Estados Unidos estão a desempenhar um papel mais construtivo para fazer face aos desafios da mudança climática que enfrenta o mundo”, acrescentou o Instituto. O Nobel da Paz recebe um prémio de dez milhões de coroas suecas (980 mil euros ou 1,4 milhões de dólares) e, como os outros, é entregue no dia 10 de Dezembro, aniversário da morte de seu fundador, Alfred Nobel.
carmona : quantos caboverdianos e saotemeses foram expulsados
Mutamba : A vergonha agora do nosso Governo e como umilhar-se perante um Congo que tanto desconsira. Mais penso que se ate agora ainda nao oivimos a voz de Dos Santos e porque ele sabe o que esta fazer ja que e hefe de estado presidente da republica comandante em chefe mais velho ,,ect.aviso se os Congoleses mecherem em Kinshasa entao ali veremos um Exodo como esta na Biblia ate porque o Congo em segredo pode exigir ao MPLA entregar alguns pocos de petroleo porque eles ja venham pedindo isso a muito tempo reclamando que alguns destes pocos estao em territorio Congoles nao e a toa que Je Du esta neste momento parecendo Adolf Hitler ja nao sabe o que fazer
doctor lingua((ndaca) : angolanos,angolanos,abrem olhos è politica do mpla e do governo do congo.o mpla esta procurando problemas,meios,contradiçoes,etc,etc.para fazer dormir o povo angolano para que nao possa lembrar o caso eleçoes boas e retirada do jose eduardo.povo angolano abrem os vossos olhos,o mpla esta a quemar o tempo,nao vao muito na honda dos expulsados esta è uma finta do mpla,me recordo que o mpla sempre corrumpeu o governo do congo em termos de retorno de angolanos no nosso pais por via legal seria muito carro para o mpla por isso o mpla ordenou o governo do congo para fazer uma expulsao de angolanos,por isso povo abrem os olhos nao vao na finta do ze capuca.
Anónimo Angolano (Lisboa): "Às casas, às nossas lavras às praias, aos nossos campos havemos de voltar. Às nossas terras vermelhas do café brancas de algodão verdes dos milharais havemos de voltar. Às nossas minas de diamantes ouro, cobre, de petróleo havemos de voltar. Aos nossos rios, nossos lagos às montanhas, às florestas havemos de voltar. À frescura da mulemba às nossas tradições aos ritmos e às fogueiras havemos de voltar. À marimba e ao quissange ao nosso carnaval havemos de voltar. À bela pátria angolana nossa terra, nossa mãe havemos de voltar. Havemos de voltar À Angola libertada Angola independente." Agostinho Neto. (O sonho do Grande Poeta está, finalmente, a tornar-se realidade).
ndjotino (altrove): Angola expulsou e tem expulsado de Angola estrangeiros ilegais, muitos deles traficantes de drogas e branqueadores do dinheiro, sem falar de outras traquinices que sò em Angola conseguem fazer ( é claro que tb os bons costumam ser alvo, sem deixarem de ser ilegais). Os legais esses vivem bem em Angola ( e nao sao poucos os congoleses que vivem em Angola em condiçoes legais, talvez mais de 12 mil). Qual é a razao que leva o governo congoles expulsar do Congo angolanos que là viviam legalmente? Para com isso mostrarem que eles sao a favor da desonestidade e da desordem? Em qualquer parte do mundo ninguém passa a residir no Pais do outro ilegalmente; mesmo que seja refugiado, precisa que se lhe reconheça essa condiçao e existem mecanismos e instancias proprias que conferem esse estatuto; tal era a condiçao de muitos angolanos na RDC ou noutras partes do mundo, assim como o sao muitos congoleses que vivem em Angola( até porque aqui vivem alguns simplesmente por questoes comerciais, vivem legalmente e nunca foram expulsos) e em muitos outros Paises. Mas a mania de pensar que liberdade de circulaçao interterritorial signifique cada um poder ir viver permanentemente em qualquer outro Paìs mesmo sem um procedimento legal, entao ainda estamos longe de pensar como o homem do tempo do nomadismo. Caros irmaos, nao se pode sonhar com a unidade africana e a livre circulaçao de pessoas e bens entre os Paises africanos, se em primeiro lugar nao nos educarmos à honestidade e ao respeito do bem do outro seja material seja humano. A abertura de fronteiras que facilitariam muito nao sò a mobilidade das pessoas mas tb as trocas comerciais, nao significa a abertura da anarquia de cada um poder fixar ilegalmente residencia ( isto é, sem o conhecimento, sem a autorizaçao das autoridades competentes) no Paìs dos outros. Uma coisa é entrar e sair livremente ( e isto sò serà possìvel quando todo o africano for civilizado, isto é, quando deixar de burlar o outro e deixar de parte intençoes de desestabilizar e disturbar o outro, quando tiver a preocupaçao de contribuir para o desenvolvimento harmonioso da Africa...) e outra coisa é entrar em terra do outro e nela permanecer ilegalmente ( e muitas vezes praticando também actividades ilegais). Isto nao deve ser admitido nem tolerado seja em Angola, seja no Congo ou em qualquer outro Pais do mundo. Uma coisa é abrir a porta a quem chega a correr à minha casa a procura de guarida ou acolher seja quem for em minha casa e oferecer-lhe um copo de àgua; outra coisa é correr com quem o dono de casa jà encontra sentado a comer à sua mesa sem pedir licença nem permissao. Acho que bastaria sermos verdadeiramente africanos, preservarmos bem os nossos valores tradicionais de acolhimento, solidariedade, ajuda mùtua mas também de respeito pelo outro, pela sua casa e pela sua lavra, para sermos civilizados, as desconfianças e os medos terminam e entao podemos abrir as fronteiras e cortar os arames das fronteiras sufocantes. Se no Congo tb vivem angolanos ilegais, entao os congoleses teem o dever e o direito de os expatriar e jà o deviam ter feito antes; mas se estao a expulsar angolanos que vivem de forma legal no Congo, entao deviam antes de tudo chamar para o Congo o enxame de congoleses que vive em Angola. E autoridades angolanas: tenham muito cuidado porque muitos desses supostos angolanos expatriados sao mesmo congoleses a infiltrarem-se mais em Angola para depois começarem o conflito apoiados pelos seus compatriotas que ficaram no Congo, sob pretexto de nao terem sido bem integrados socialmente ou de nao terem terra, etc., etc.
Fim das fronteiras e cidadania conguesa : Esta maca esta a pedir a ealizaçao de um tratado entre Angola e RDC, para se criar um espaço comum de livre circulaçao de pessoas e bens entre os dois paises
Anónimo Angolano (Lisboa): É tempo de o nosso governo por cobro a situação, não va isso dar em guerra. A diplomacia tem entrar em acção. Não brinquem com coisas sérias, há muitos invejosos que querem trazer a guerra de volta para Angola. A paz custou-nos muito a conquistar, por isso é imperioso que o governo negoceie directamente com Kabilá. Angola é um grande país, não merece estas baixarias.
katekero (uige): Ao inimigo nenhum palmo da nossa terra.aqui no uige o inimigo de angola quer foi ou seja a sua cor, foi e serà varrido.angola avante, mae pàtria unida.estamos sempre prontos na nossa sempre habitual trincheira firme sob as ordens do nosso comandante sua excelencia o pr. JOSE EDUARDO DOS SANTOS.de cabinda ao cunene e do luau ao lobito nenhum palmo da nossa terra .mesmo se tivessemos que anexar....muanda ou matadi..!
ATENTO (Luanda): Mas para quê tanto alarido nesta questão da expulsao dos mwangoles da RDC??? É tao-somente simples: Expulsemos os ZAZAS de Angola e ponto final.
Anónimo : Acabei de ver o trabalho de um engenheiro de petroleo aqui em Oslo e muito duro ..So me pergunto como e que um pregisozo como Jose Eduardo foi capaz de concluir este estudo so um Malanginho pode explicar kia kia kia
Anónimo : O que as tropas vão fazer na nossa fronteira? vão apanhar da nossa força aerea. A RDcongp tem la tropa para fazer face o nosso fogo.
Anónimo : A informacoes que dao conta da movimentacao de tropas congolesas na fronteira com Angola. Sera desta vez que as comadres zangaram-se?
MATA QUARENTA (CHINA): Isto dá mais uma licâo aos nossos compatriotas e irmâos Angolanos no sentido de incentiva- los em cessarem de tratar os outros de " LANGAS " e " ZAIRENSES ". Porque sendo eles verdadeiramente ZAIRENSES, nunca estariam sujeitos a expulssâo do Kongo. A verdade é uma: eles chegam em Angola sem o português na boca. Mas sâo verdadeiros Angolanos de NATUREZA.
Anónimo : Vocés, são cegos. Angola, não retaliar,por enquanto. Mais quando todos Angolanos forem expulso da RDcongo, então verão a capacidade do nosso governo. Eu não quero estar para ver.Os Angolanos ´vão sair todos do Congo, e depois:-
Anónimo : Como diz o ditado: - Quem tem telhados de vidro, não deve atirar pedras para o telhado do vizinho. Esta questão de movimentos pendulares de populações fronteiriças, origina sempre perturbações ao nível dos respectivos países. Em situações desta natureza, deverá ser a diplomacia a resolver o problema e não através da força. Porque isso é uma faca de dois gumes, ou seja, atinge o próprio "agressor". Sabe-se que desde a guerra, que houve uma saída massiça de angolanos para a RDZ e por tem estado. É natural que o governo do RDZ retalie com o governo de Angola. É a chamada reciprocidade. Conclusão: Expulsas os meus e eu expulso os teus.É a lógica política.
Ao Ferreira : Para acrescentar ao Ferreira, o Congo ja estava a muito tempo a espera de uma oportunidade dessas vizando a acuzacao de petroleo na Provincia do Zaire tambem a Franca tem ajitado bastante aos Congoleses a Precionar Luanda nesta materia Lembro-me Kundy Pahiama ter telefonado ao Governo Congoless sobre os conflitos do petroleo mas a arrogancia de Luanda ignorou tudo
valmir : Mais um exemplo de que o preto nunca vai ser unido e essa é a principal razão pela qual vamos ser sempre escravos e considerados ser inferiores (atenção falo da esmagadora maioria)
Oque que esta acontecer!!! (Malange): Ate agora nao sei do que esta realmente a acontecer porque continuo atento ao processo constituinte e eleicoes indirectas. Esta situacao com o Congo esta ja preocupar! Nao queremos mais guerra com ninguem. Os congoleses sao nossos irmaos e nao vamos criar um clima de conflitos.
Pastor de Vacas : Viva pela primeira vez vamos ver Jose Eduardo Dos Santos a resolver problemas serios deste paiz digo isso porque do que eu saiba ele nunca fez o minimo esforco para ajudar Angola absolutamente nada. a presidencia foi uma oferta de Malanjinhos e Benguelenses um preguisozo que numca conheci igual Alguem me explica o que que ele ja fez para Angola senao planear assacinatos e cortar fitas .Os Congoleses estao agindo muito bem e para verem que afinal os donos da terra estao fora dela de tanta amargura de Jose Eduardo Santos ,Se este problema nao se resolver rapidamente nao so o CAN fica em perigo mais a reputacao do continente Africano especial o Facto de que a Africa do Sul ira organizar o mundial de futeboll 2o10 Os Malaginhos devem parar de se esfregarem atras do dos Santos e muita graxa
mamona mbua mafuila ku mbundu (interplanetary): da volta tambem com todos zairenses q mora na noissa pais, seja quenhe da lhe todos volta ate kinshasa, angola tambem esta cheu do estrangeros, nos tambem estamos zangado nao queremos ver os zairenses na nossa tera, nos vivemos na kinshasa muito longe mas elle nao quere saber nada, nos tambem estamos maluku, "we are pised too" quando o governo de kinshasa acaba de expulsar nossos irmaos, o nosso governo tambem commenca a expulsar os filhos delle pronto, da lhe volta a morer fome no pais delle, obrigado.
Ferreira "...ver mais longe..." : Se o Congo quiser sair da pressão dominante e arrogante do governo de Luanda que se faz sentir um pouco por todo lado na região austral do continente ele tera de inventar mil razões para alimentar uma situação conflitual que visa destabilizar Angola e conduzi-la a uma situação semelhante a dos anos tristes que ja conhecemos.Não me perece que existe algum orgulho por parte dos congoleses em continuar num reboque humilhante por parte de um comboio que se pode muito bem descarrilar.Numa leitura rapida do que se esta a passar fico com a impressão que o jesto das autoridades congolesas visa um divorcio serio que só pode ser alimentado numa planificação rigorosa e com objectivos concretos.Se refletirmos bem no conflito permanente entre o Congo e o Rwanda este ultimo tem usado bem os refugiados instalados ao longo da sua fronteira comum para despoletar todas as situações de guerra que têm sido um verdadeiro embaraço para Kinshaça.É muito facil aprender das suas proprias experiencias e utiliza-las depois para conforto proprio.E depois a estabilidade de Angola é no meu entender aparente e ela pode a curto prazo ser atingida com golpes simulados que poderão abrir brechas perigosas no precario equilibrio do seu tecido social.Sabemos que o norte de Angola nunca foi uma conquista do MPLA e esta parte do territorio tem todas as razões para não sorrir de contentamento dos mil desaires que foram vivendo depois de 1975.O norte d Angola é um barril com amexa facil de acender.A ja degradante situação em Cabinda poderia evoluir para uma catastrofe incontrolavel se tivessemos um palco de conflito no norte e um divorcio concluido que afetaria as relações Angola-Congo.O Congo de Sassou NGuesso é um palco propicio de situações conflituosas que vão inevitavelmente descarrilar para a violencia armada para um retorno a um minimo de Democracia tal como se conheceu no passado é a unica saida para a ditadura deste vil presidente.A situação interna em Angola é no plano politico de uma humilhante timidez apenas suportavel para a oposição e o partido no poder vive adormecido numa arrogancia dominante de quem tem tudo ilusoriamente sob controlo.O grande perigo que existe se descarrilamos para o conflito inicial mesmo que seja insignificante é que ele pode facilmente generalisar-se um pouco por todo lado em Angola pois existem milhares de soldados esquecidos que podem semear a morte apenas por um pedaço de pão.O Congo pode sem armas fazer-nos vida cara e depois não devemos esquecer que ele é um gigante demografico.Mais tudo é apenas uma simples analise... mas é bom ver sempre mais distante.
ABC : Seja eles Angolanos o nao, mais sao Bacongo, ele tambem nao precisa de ser Angolanos. OK
Francisco Mavungu (Cabinda): Os angolanos têm a memória curta. A Angola deve a sua soberania ao dois Congos. Os congolês que são em Angola não recebe nem ajuda social, nem desemprego e não tem direito à uma segurança social. Não aprovo estas expulsões recíprocas porque é da estupidez. Pelo menos a opinião terá compreendido que há milhares de angolanos que vivem no Congo. É normal que a Angola repele os irregulares mas a maneira da qual fazem-no é inumana. Violar as mulheres ou humilhar. Já as autoridades angolanas discriminam os originários de Uige e a província do Zaire. As autoridades angolanas devem retornar à razão
Jon... Nao sao todus eles Angola, (Nao sao todos eles Angolanos ): A major parte sao bandidos.
Pizzaria Mumbembe : os que fala frances vao na sit Africa Time e vao ver a versao da RDC, muitos politico da RDC na oposicao no asilo estima que a relacao entre Eduardo dos Santo e Cabila ja nao é saudavel, o povo so sao vitima, hoje vai falar o grande opositor congole antigo ministro do mobuto o Ngwanda vai pronucia sobre este assunto, repito quem quer ver a verssao da RDC vai na africa Time, por que isto é tema em nos sit Congoles. voces so vao asustar cabinda esta ocupado, quem lembra bem deste caso, isto comeso quando a RDC reclamou Angola esta ocupar os seu teritorio do Petroleo. so falta as armas falar neste momento, segundo algums especialista, ouve ja avioe frances, descaregar as Armas moderno na RDC e formar as forca de kinshasa, da aqui a 5 anos cabinda ja nao sera mais Angola eu voz garanto isto, se calhar ate a norte de Angola uige e zaire tambem deixara de ser Angola.
Francisco Mavungu (Cabinda): Os angolanos têm a memória curta. A Angola deve a sua soberania ao dois Congos. Os congolês que são em Angola não recebe nem ajuda social, nem desemprego e não tem direito à uma segurança social. Não aprovo estas expulsões recíprocas porque é da estupidez. Pelo menos a opinião terá compreendido que há milhares de angolanos que vivem no Congo. É normal que a Angola repele os irregulares mas a maneira da qual fazem-no é inumana. Violar as mulheres ou humilhar. Já as autoridades angolanas discriminam os originários de Uige e a província do Zaire. As autoridades angolanas devem retornar à razão
Tio Tarea : Ja li aqui de um fanatico MPlialista dizendo que ja nao ha Angolanos no Congo se os nossos jornalistas trabalha-sem para o paiz e nao para o partido no poder ja deviam ir em casa dele fazer interrogacoes destas declaracoes .eu so estou a espera de ouvir de Kundy Pahiama, Eduardo Dos Santos Kwata Kanawa criminosos fazendo-se de victimas
Anónimo : Tudo isso poderia ter sido evitado, se Luanda não estivesse assim tão arrogantemente a obedecer às ordens de Hilary Clinton.
Algo nao vai bem!!! : Algo neste situacao toda esta muito podre. Os governos de Angola e RDC nao estao a ser claros. Afinal qual e razao deste barulho todo?
MATA QUARENTA (CHINA): Estou com tanto medo se a guerra arrebentar de novo na regiâo. Já que so a pouco respiramos o cheirinho da paz !!!
ty : O culpado disso tudo é o governo que saiu das últimas eleições. A expulsão dos congoleses traficantes devia ser feita de acordo com as leis do direito internacional, com a intervenção das Nações Unidas e vejam agora: Este foi o primeiro falhanço da relações internacionais do Sr.Assunção dos Anjos. E o pior está para vir. Se não houver inteligência,vamos assistir dentro em breve algo pior que o que tem acontecido nos grandes lagos.
Pastor de Vacas : Um paiz com um Governo serio o parlamento e o presidenta da republica devia ser convocada para uma reuniao estraordinaria para ver a cituacao o paiz muito breve ira assumir a responsabilidade de acolher o CAN deve mostrar-se autoritario .sem exajero mais devo dizer que a maioria dos angolanos tenhem medo de Jose Eduardo Dos Santos ,Alguem pode me dizer especificamente o que que este homem ja fez para Angola? zero .... cortar fita para inaugurar a ponte isto eu daria aos pioneiros piooo pioo...
Zita Manuel Jose (Cabinda): NAO FACA AOS OUTROS O QUE NAO GOSTAS QUE TE FACAM! isso e o principio da regra do OURO ensinado por Jesus. E bem do conhecimento de todos que o Governo do MPLA desde alguns anos tem repatriado Cidadaos Congoleses desde as provincias das Lundas, Cabinda e outras provincias. Sera isto retaliacao? Nao! Porque Se nao gostas que te facam, nao facas a outros. Em minha analise o Governo Congoles tambem esta a Defender o seu territorio como os Angolanos estao fazendo.
Anónimo : Esses sao todos langas. Essa gente esta a corromper para vir a Angola. nao acredito que sao Angolanos todos eles. Isso nao é verdade.para quem conhece os langas, sabe que eles estao aproveitanto essa situacao para virem à Angola com documentos de Angolano falsos. voces nao conhecem como os langas sao???? é uma autentica vergonha. mais langas em Angola até quando??? nao durmam meus senhores, esses nao sao Angolanos. vao la e conversem com eles e verao a verdade.