Kwata-Kanawa quer provas das acusações da Unita
07-03-2007 | Fonte: VOA
O secretário para a informação do MPLA, Norberto dos Santos «Kwata-Kanawa»(na foto), refutou as acusações segundo as quais os atiradores teriam feito os disparos a partir da sede do MPLA em Camabatela município do Kwanza-Norte.

«Não é verdade o que acaba de dizer. Mesmo as autoridades policiais e governamentais em nenhuma ocasião fizeram esta referência. Devemos manter esta serenidade e quanto ao que aconteceu a Polícia tem em mãos e está a continuar tratar desta questão e acredito que vai ser depois esclarecida.

Kwata Kanawa considerou a acusação como sendo grave e exigiu a quem as proferiu a prová-las na próxima reunião do Mecanismo Bilateral entre o governo e a UNITA.

A acusação foi feita terça-feira última em conferência de imprensa, em Luanda, por Isaías Chitombi, membro da direcção da UNITA.

Ainda quanta aos acontecimentos no Kwanza-Norte, a UNITA solicitou encontros com o ministro do Interior e com o coordenar do Mecanismo de Consulta Bilateral para manifestar formalmente o seu desagrado sobre o aquilo que chamam de atentado contra o seu líder, Isaías Samakuva na passada semana.
 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação