Pastores angolanos da Igreja Universal expulsam pastores brasileiros dos templos
22-06-2020 | Fonte: NMC

Pastores angolanos da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) expulsaram na manhã desta segunda-feira, 22, os pastores brasileiros da IURD, por alegados actos condenáveis praticados pelos brasileiros em detrimento dos nacionais.
 
A comissão de reforma da IURD tomou cerca de 30 igrejas em Luanda e algumas províncias do país.
 
“A igreja vem desenvolvendo há muito tempo e a ganancia dos expatriados brasileiros foi se avolumando, razão pela qual tomamos a decisão da rotura do convénio com a gestão brasileira”, explicou Nilton Ribeiro, porta-voz dos pastores angolanos.
 
“Crimes como o racismo, discriminação social, abuso de autoridade, faltas de respeito, humilhações públicas e evasão de divisas para o exterior e expatriamento ilícito de capital, são alguns problemas que podemos evocar”, denunciou.
 
De acordo com o porta-voz, não existes qualquer tipo de negociação possível com a outra parte, “porque foi lhes dada a oportunidade em Novembro do ano passado”.
 
“Tomamos seis províncias do país, Luanda, Benguela, Huambo Malanje, Cuanza Sul e Namibe”, sentenciou.

 
Comentários
Quer Comentar?
Nome E-mail ou Localização
Comentário
Aceito as Regras de Participação